Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Jadon Sancho escolhe os jogadores brasileiros com quem gostaria de ter atuado

Uma das estrelas da Bundesliga e do Borussia Dortmund, o atacante Jadon Sancho é conhecido pelo seu talento, habilidade, pensamento rápido, dribles e inteligência em campo.

As características combinam com muitos craques brasileiros. Por conta dessa semelhança de estilos, Sancho elegeu Neymar, Ronaldo, Ronaldinho Gaúcho e Robinho como os quatro atletas que escolheria para uma partida 5 contra 5, conhecido na Inglaterra como “five-a-side”.

"Ele é um jogador maravilhoso, que pelo estilo de jogo, imprevisibilidade e jogar pelo lado esquerdo, é o nosso Neymar. Ele é um jogador que leva entretenimento ao público e, assim como Neymar, consegue ser efetivo com isso. Em todos os jogos ele vai criar oportunidades de gol", disse Dan Micciche, que treinou Sancho nas categorias de base da Inglaterra.

O estilo de Sancho rendeu 34 gols e 43 assistências nos 99 primeiros jogos em Dortmund. Nas duas temporadas que disputou, ele impressionou com dígitos duplos em gols e assistências.

Dentre as cinco principais ligas europeias, o jovem inglês é o atleta com até 26 anos que precisa de menos tempo para participar de um gol. Com 30 bolas na rede e 38 assistências na Bundesliga, ele só precisa de 1.14 jogo para ajudar o time a marcar.

Os números são parecidos com os de Neymar nos primeiros anos de Barcelona, onde o atleta brasileiro precisava de 1.18 jogo para participar de um gol.

Ronaldinho é lembrando por Sancho pelas jogadas plásticas, como elástico, toques de letra ou olhando para o lado oposto da direção da bola.

"Eu via as jogadas dele no Youtube. Quando Ronaldinho fazia essas isso, não era para aparecer. O futebol é uma expressão de quem somos. Ele veio do futebol de rua e levou isso ao jogo moderno. As pessoas não esperam algo assim, mas é nisso que temos que nos espelhar, quem tenta coisas novas. Algumas vezes não funciona, mas é preciso correr riscos. Se não chutar a bola não entra", disse o astro do BVB.

Com um estilo em campo parecido com o atleta do Borussia, Robinho é outro que Sancho gostaria de ter ao lado. Ele não teve números tão expressivos quanto os do inglês nos primeiros anos na Europa, atuando pelo Real Madrid, com uma participação a cada 2.76 jogos.

Já Ronaldo não era similar em campo, mas um gênio que teve um começo de carreira exuberante na Europa, com 54 gols em um ano e meio no PSV. Depois, com 20 anos, chegou ao Barcelona para marcar 34 gols e nove assistências em 37 jogos.

Nenhum comentário