Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Kevin-Prince Boateng se afasta de vez do irmão Jerome: “Desprezo violência contra mulheres”

Texto original retirado do Torcedores.com

O zagueiro alemão Jerome Boateng, que deixou o Bayern de Munique na última janela de transferências e que atualmente defende as cores do Lyon, da França, foi condenado pela Justiça a pagar 1,8 milhões de euros à mãe das suas duas filhas, por violência doméstica.

E isso o afastou definitivamente do irmão Kevin-Prince Boateng, jogador do Hertha de Berlim. O experiente meio-campista fez questão de escancarar o rompimento com Jerome em entrevista concedida ao diário Bild.

"Me afastei do Jerome há muito tempo. Aprecio e respeito a legislação alemã. Desprezo a violência contra as mulheres, não me identifico com as ações do meu irmão e por isso não tenho nada a ver com ele", disse Kevin-Prince.

Uma fonte próxima da família Boateng contou ao jornal alemão que, de fato, os irmãos estão afastados e não se falam mais.

"O Kevin rompeu de vez com Jerome há meses, mas se manteve em silêncio até agora. O Jerome sempre foi visto como um rapaz bom e doce, enquanto Kevin foi tratado como um cara mau. No entanto, é ao contrário", comentou a pessoa não identificada.

O tribunal de Munique condenou Jerome Boateng por agressão e ferimentos à sua antiga companheira. O defensor poderia até pegar alguns anos de prisão, mas se livrou de uma punição mais severa e teve que pagar a multa.

Jerome Boateng tem 33 anos de idade, foi campeão da Copa do Mundo de 2014 com a Alemanha e, depois de deixar o Bayern, acertou com o Lyon. Já Kevin-Prince Boateng, de 34 anos, apesar de também ser alemão de nascimento, preferiu jogar pela seleção de Gana, a pátria do pai de ambos.

Nenhum comentário