Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Sané deixa concentração da seleção alemã e não encara o Peru; confira o verdadeiro o motivo

O meia-atacante Leroy Sané deixou a concentração da seleção alemã nesta sexta-feira e não encara o Peru no jogo amistoso do próximo domingo, na cidade de Sinsheim. Ele alegou "motivos pessoais".

Muitos sites e veículos de comunicação citaram uma suposta discussão do jogador com o técnico Joachim Löw por não ter jogado mais tempo diante da França, na quinta-feira - ele entrou aos 37 minutos do segundo tempo -, mas esse não é o verdadeiro motivo da sua dispensa.


Segundo informações do diário Bild, a namorada de Sané, Candice Brook, está na reta final da gravidez e o primeiro filho do jogador pode nascer nos próximos dias. Por isso, ele preferiu retornar à Inglaterra para ficar ao lado da mulher.

A gravidez de Brook foi mantida em segredo e poucos sabiam da gestação, apenas amigos mais próximos do jogador e da modelo inglesa.




Uma publicação compartilhada por Leroy Sané (@leroysane19) em

Um comentário:

  1. Acho que ele deve ter ficado magoado pois dias antes da copa do mundo ele foi cortado da equipe mesmo jogando um bom futebol. O técnico Low gosta de fazer alguns jogadores de "bobos da corte" pois convoca os caras mas os deixa no banco só colocando pra jogar nos instantes finais das partidas quando não da mais tempo de reação alguma,ou seja, uma atitude de um técnico sacana. Se não confia no jogador é melhor nem chamar para a seleção pois pra ficar sentado olhando o jogo realmente não vale a pena e a maioria dos jogadores querem defender o seu país e querem jogar. Entrar pra jogar 4 minutos chega a ser hilário e muito constrangedor.

    ResponderExcluir