Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Seleção da 25ª rodada da Bundesliga - Chucrute FC / Alemanha FC

Por Vitor Rawet

Goleiro: Florian Müller (Mainz)

Com Adler e Zentner, o Mainz teve de usar o seu terceiro goleiro no jogo de seis pontos contra o Hamburgo. E não é que Müller teve uma exibição impressionante? O jovem de 20 anos pegou até pensamento nas seis defesas - uma delas um pênalti - que fez ao longo do jogo.

Zagueiros:  Mats Hummels (Bayern de Munique), Dayot Upamecano (RB Leipzig) e Benjamin Hübner (Hoffenheim)

O Bayern teve uma vitória tranquila sobre o Freiburg. Nos poucos momentos em que o time da Floresta Negra ofereceu perigo, Hummels estava lá para dar segurança a defesa. Ainda foi extremamente importante na construção do jogo com 12 lançamentos longos alcançados em 15 tentados. Além disso, o acerto nos passes atingiu 90%.

São só 19 anos mas Upamecano já mostra consistência de um jogador veterano. Contra o Dortmund, raramente cometeu erro sendo mais uma vez peça importante no setor defensivo dos Touros Vermelhos. Não é exagero apostar que o jovem francês vai longe.

Há tempos que o Hoffenheim não mostrava um jogo bom mostrando uma defesa estável. Contra o Augsburg, Hübner foi essencial para mudar esse roteiro. Atuando pelo lado esquerdo, ganhou 12 divididas em 14 disputadas. Ainda deu o cruzamento perfeito que culminaria com o primeiro gol do jogo.


Meios de campo: Corentin Tolisso (Bayern de Munique) e Jonathan de Guzmán (Eintracht Frankfurt)

Depois de alguns jogos no banco, Tolisso voltou em grande estilo. Mandou no meio de campo bávaro com cinco lançamentos certos, um passe chave e o mais importante: um golaço em chute de fora da área.

De Guzmán é outro que vinha mais sendo reserva do que titular. Porém é bem possível que o holandês coloque uma interrogação na cabeça do técnico Niko Kovac. Isso porque ele deu cinco passes chave, um deles a assistência para o único gol do Frankfurt na vitória sobre o Hannover.

Pontas: Thomas Müller (Bayern de Munique) e Erik Thommy (Stuttgart)

Müller voltou a jogar bem. Atuando pela ponta direita, sempre caía também pelo meio construir jogadas principalmente com Kimmich. Dessa maneira, ele participou em três gols bávaros, marcando um, dando assistência para outro e "forçando" um gol contra do goleiro adversário.

Com Hannes Wolf no comando do Stuttgart, Thommy sequer tinha chances de jogar. Porém com Tayfun Korkut mostrou que o técnico anterior estava errado ao não considerá-lo. Contra o Colônia, Thommy deu três assistências para ninguém questionar a sua titularidade.

Atacantes: Mario Gomez (Stuttgart), Lucas Alario (Bayer Leverkusen) e Andrej Kramaric (Hoffenheim)

Quando Mario Gomez anunciou sua volta ao Stuttgart, já se sabia que os Crocodilos mudariam de patamar. Então não é nenhuma surpresa que Super Mario esteja voando. Foram dois gols dignos de centroavante matador no duelo diante do Colônia.

Basta pegar o mapa de calor de Alario na vitória do Leverkusen sobre o Wolfsburg que é possivel enxergar que o argentino não se limitou a ficar na área esperando bola. Procurou o jogo, auxiliou na armação e foi premiado com o um gol de pênalti e uma assistência.

Seis gols nos últimos cinco jogos. Esse é o desempenho de Kramaric. Na partida do fim de semana, fez um belo gol em cabeçada certeira e ainda deu uma assistência em que Gnabry só precisou colocar a bola para dentro.

Nenhum comentário