Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Borussia Dortmund tropeça no Chipre e se complica na Champions League; RB Leipzig derrota o Porto

Apesar de ter buscado o empate por 1 a 1 diante do APOEL, o resultado do duelo no Chipre foi péssimo para o Borussia Dortmund, que somou seu primeiro ponto na Champions League e está muito perto de ser eliminado da competição ainda na fase de grupos - Real Madrid e Tottenham lideram a chave H com sete pontos cada.

Os aurinegros tiveram pouca inspiração e criatividade no primeiro tempo e esbarraram no ferrolho defensivo armado pela equipe cipriota. Na etapa final, o time alemão melhorou sua produção ofensiva e criou mais oportunidades.


Mas quem saiu na frente foram os donos da casa. Aos 17 minutos, o goleiro Roman Bürki entregou a bola nos pés do adversário e depois ainda bateu roupa ao fazer a defesa, deixando Mickael Poté livre para abrir o placar no rebote. Cinco minutos mais tarde, Götze levantou na área e o zagueiro Sokratis empatou de cabeça.

A virada do BVB quase veio no lance seguinte, mas o chute de Kagawa explodiu no travessão. O Dortmund seguiu pressionando nos minutos finais da partida e não conseguiu passar pela defesa do APOEL. Nos acréscimos, Aubameyang acertou uma cabeçada na trave.

Já o RB Leipzig fez bonito em casa e venceu o Porto por 3 a 2, conquistando sua primeira vitória na Champions e chegando aos quatro pontos no grupo G, na segunda colocação. O líder é o Besiktas, que tem nove, enquanto os portugueses ficaram com três. O Monaco segura a lanterna com apenas um.

Mesmo sem Timo Werner, que ficou como opção no banco de reservas e entrou na reta final do duelo, o ataque do time alemão funcionou bem e garantiu o triunfo. Aos oito minutos, Bruma encheu o pé de fora da área, o goleiro José Sá deu rebote e o zagueiro Orban marcou para os Touros.

O Porto empatou dez minutos mais tarde com Aboubakar, mas o Leipzig marcou mais duas vezes antes do intervalo. Forsberg recebeu de Sabitzer na marca do pênalti e estufou as redes para anotar o segundo, e Augustin ganhou da marcação na velocidade e fez o terceiro dos anfitriões. Ainda na etapa inicial, Marcano diminuiu para os visitantes.

Satisfeito com a vitória parcial, o time alemão passou a apostar nos rápidos contra-ataques no segundo tempo e quase marcou o quarto tento com Bruma, mas a defesa do Porto tirou a bola em cima da linha. E ficou nisso.

Nenhum comentário