Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Guia da Bundesliga 2021/2022 - tudo sobre a nova temporada do Campeonato Alemão

Texto original publicado no site Torcedores.com

Uma excelente notícia para os fãs de futebol alemão. A temporada 2021/2022 da Bundesliga começa hoje, sexta-feira (13), com 18 clubes na disputa pela cobiçada salva de prata.

O jogo de abertura será entre Borussia M'gladbach e o atual eneacampeão Bayern de Munique, no Borussia Park, a partir das 15h30 (de Brasília).

Aliás, a pergunta que não quer calar na 59ª edição da Bundesliga não poderia ser outra: Quem vai conseguir impedir o 10º título seguido do poderoso Bayern?

Bundesliga 2021/2022: Veja quem são os 10 jogadores brasileiros da temporada

Como chegam os favoritos Bayern, Leipzig e Dortmund para temporada 2021/2022 da Bundesliga

Bundesliga 2021/2022: Confira quais foram as maiores contratações e perdas da temporada

Onde assistir a temporada 2021/2022 da Bundesliga

Temporada passada

Na edição 2020/2021, o Bayern de Munique foi campeão com 78 pontos, contra 65 do RB Leipzig, segundo colocado. A temporada bávara começou irregular, mas logo o time do então técnico Hansi Flick entrou nos eixos e não deu chances aos adversários.

O Leipzig fez uma campanha bastante regular e conseguiu brigar pela liderança em alguns momentos, perdendo fôlego na reta final.

Já o Borussia Dortmund, terceiro colocado, estava fora até da zona de classificação para Champions League, mas conseguiu uma arrancada impressionante nas últimas rodadas e conseguiu terminar o Alemão com 64 pontos.

A grata surpresa foi o Union Berlin, que acabou na honrosa sétima posição, garantindo vaga na Uefa Conference League. O Hertha Berlim, por sua vez, rival do Union na capital, brigou contra o rebaixamento mesmo com muito mais investimento, ficando em 14º.

Por falar em decepção, o tradicional Schalke 04 foi o lanterna e acabou sendo rebaixado. O não menos tradicional Werder Bremen acompanhou os Azuis-Reais no descenso.

Quem vem da 2.Bundesliga?

O Bochum, campeão da 2ª divisão alemã, está de volta à elite após 11 anos. O Greuther Fürth também retornou ao terminar a 2.Bundesliga na segunda colocação.

O Holstein Kiel bateu na trave. Terceiro colocado, o time enfrentou o Colônia, antepenúltimo da Bundesliga, no playoff do rebaixamento. E o Köln cravou sua permanência com um empate e uma vitória por goleada.

Briga pelo título

Se nenhuma grande surpresa aparecer, a briga pelo título deve ficar restrita justamente entre três primeiros colocados da temporada passada: Bayern de Munique, RB Leipzig e Borussia Dortmund.

E o trio começa a nova temporada de técnico novo. O Bayern contratou Julian Nagelsmann para vaga de Hansi Flick, que acabou indo para seleção alemã.

O RB Leipzig, que perdeu Nagelsmann, acertou com o norte-americano Jesse Marsch, ex-Red Bull Salzburg. E o Dortmund aposta em Marco Rose, que estava no Borussia M'gladbach.

Vagas europeias

Mal na temporada passada, a expectativa é que o Hertha Berlim se acerte com o alto investimento e consiga brigar por vaga em competição europeia.

Quem também entra forte são Wolfsburg, Bayer Leverkusen e Eintracht Frankfurt.

O Leverkusen perdeu Leon Bailey, mas ainda conta com uma boa base da última Bundesliga. O Frankfurt não tem mais André Silva e Jovic, mas contratou o colombiano Borré para ajeitar o ataque.

Hoffenheim, Stuttgart, Freiburg e Borussia M'gladbach correm por fora.

Luta contra o rebaixamento

Quem sobe sempre tem como prioridade se manter na primeira divisão, como nos casos de Bochum e Greuther Fürth. E não deve ser diferente com os caçulas.

Arminia Bielefeld, Mainz, Colônia, Union Berlin e Augsburg, sem grandes investimentos para temporada, também devem iniciar a competição com esse objetivo principal.

Perdas e contratações

A principal perda entre os clubes da Bundesliga é, sem dúvida, a saída do atacante Jadon Sancho do Borussia Dortmund para o Manchester United. Para o lugar do inglês, os aurinegros contrataram o talentoso holandês Donyell Malen, do PSV.

E a permanência do artilheiro Haaland já é um grande negócio.

O RB Leipzig negociou sua dupla de zaga titular, mas reforçou o ataque. Upamecano foi para o Bayern e Konaté acertou com o Liverpool, enquanto o centroavante português André Silva chegou do Frankfurt.

Por falar em Frankfurt, o colombiano Borré, ex-River Plate, é a nova aposta ofensiva.

O Bayern de Munique fez um mercado tímido, com as chegadas de Upamecano e o lateral inglês Omar Richards, além do retorno do goleiro Ulreich, repondo a saída de Nübel para o Mônaco, da França.

O atual eneacampeão ainda perdeu Alaba, que foi para o Real Madrid, além de se desfazer do zagueiro Boateng, do volante Javi Martínez e do atacante Douglas Costa.

Baixa considerável também teve Stuttgart, com a saída do bom atacante argentino Nicolas Gonzalez, negociado com a Fiorentina.

No Hertha Berlim, a grande novidade é o retorno do experiente meio-campista Kevin Prince-Boateng. Quem também tem uma volta importante é o Wolfsburg, que recontratou o jovem atacante Lukas Nmecha, que estava no Manchester City.

Os brasileiros

O principal destaque entre os 10 brasileiros é o atacante Matheus Cunha, do Hertha Berlim, campeão olímpico em Tóquio.

Outro medalhista de ouro nos Jogos Olímpicos é Paulinho, atacante do Bayer Leverkusen. Os Leões ainda contam com o lateral Wendell no elenco.

E tem mais campeão olímpico na Bundesliga: Reinier, do Borussia Dortmund.

O clube alemão que mais tem brasileiros no elenco é o Wolfsburg, com três nomes: William, Paulo Otávio e João Victor.

Tuta (Frankfurt), Iago (Augsburg) e Danilo Soares (Bochum) completam a legião verde-amarela na primeira divisão da Alemanha.

Bayern de Munique, RB Leipzig, Freiburg, Greuther Fürth, Stuttgart, Hoffenheim, Arminia Bielefeld, Union Berlin, Borussia M'gladbach, Colônia e Mainz não têm jogadores brasileiros para disputa da temporada.

Onde assistir a Bundesliga

Todos os jogos da temporada 2021/2022 da Bundesliga terão transmissão ao vivo no OneFootball, via site ou aplicativo. A TV Band também tem os direitos, mas transmite apenas uma partida por rodada.

Efeito Covid-19

A DFL (Liga Alemã de Futebol) anunciou recentemente que a Bundesliga continuará permitindo cinco substituições por equipe em cada partida. A regra é válida até, pelo menos, o fim de 2022.

Os clubes alemães receberam também permissão para chegarem à metade da capacidade dos seus estádios com público na nova temporada. Ou seja, 50% da capacidade.

Além disso, a condição é que nenhuma arena ultrapasse o limite máximo de 25 mil torcedores. O estádio do Borussia Dortmund, por exemplo, que tem capacidade para mais de 80 mil pessoas, deverá receber, no máximo, 25 mil fãs.

Já a casa do Mainz, com capacidade para 34 mil torcedores, terá que receber até 17 mil pessoas, a metade.

Sobre os torcedores de times visitantes, eles poderão entrar nos estádios a partir da terceira rodada, com 5% da carga total de ingressos.

Outra condição é a dos torcedores apresentarem o seu comprovante de vacinação com as doses da vacina, bem como um teste negativo ou um atestado médico que comprove ter se curado da Covid-19.

Nenhum comentário