Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Alemanha busca empate contra Hungria e garante vaga nas oitavas da Euro 2020. E pega a Inglaterra

Com requintes de crueldade e muito drama, a seleção alemã conseguiu se classificar às oitavas de final da Euro 2020 após o suado empate por 2 a 2 diante da Hungria, na Allianz Arena, nesta quarta-feira.

+ Clique aqui e confira a agenda de jogos da Alemanha

Com a igualdade, a Mannschaft ficou com quatro pontos no grupo F, avançando na segunda colocação. A França foi a líder com cinco pontos, e Portugal se classificou também com quatro, na terceira posição. A Hungria está fora.

Nas oitavas de final, a Alemanha encara a Inglaterra na terça-feira da semana que vem, dia 29 de junho, em Londres, no estádio de Wembley. O duelo será às 13h (de Brasília).

Com Thomas Müller baleado, Joachim Löw colocou Sané entre os titulares, mantendo os outros nomes: Neuer, Ginter, Hummels e Rüdiger; Kimmich, Kroos, Gündogan e Gosens; Sané, Havertz e Gnabry.

Na etapa final entraram Goretzka, Timo Werner, Musiala, Volland e o próprio Müller.

1º tempo 

A Alemanha teve 70% de posse de boa, mas não transformou esse volume em boas chances. Sem profundidade, foram poucas as oportunidades de gols para os donos da casa, que ainda viram os húngaros abrirem o placar em um dos muitos contra-ataques perigosos.

03 minutos - Grande lançamento em profundidade de Hummels para Kimmich, que dominou bonito na área e chutou cruzado, fraco, com Gulacsi defendendo

11 minutos - GOL DA HUNGRIA! Os visitantes saíram em rápido contra-ataque pela direita, Sallai cruzou e Szalai, entre Hummels e Ginter, mandou de cabeça para as redes. Dois atletas que atuam na Bundesliga, Freiburg e Mainz

17 minutos - Boa jogada individual de Havertz, que chegou à linha de fundo pela direita e cruzou na área. A bola passou sem alguém para desviar

20 minutos - Kimmich bateu escanteio e Hummels cabeceou no travessão. Na sequência da jogada, Ginter finalizou da entrada da pequena área, parando no goleiro rival

37 minutos - Outro contra-golpe rápido dos húngaros e Schäfer arriscou de longe, por cima do gol de Neuer

2º tempo

O segundo tempo foi parecido com o primeiro. A Hungria se fechou toda e a Alemanha teve muitas dificuldades para penetrar na defesa. Só melhorou com as entradas de Goretzka e, principalmente, Musiala, que fez a jogada do gol de empate. E a defesa alemã falhou mais uma vez.

07 minutos - Sané finalizou de fora da área e Gulacsi defendeu sem problemas

13 minutos - A Hungria bateu falta pela lateral da área bastante fechada, dando trabalho para Neuer

16 minutos - Em outra falta pela lateral, Sallai bateu direto e a bola tocou na trave antes de sair

22 minutos - GOL DA ALEMANHA! Batida de falta na área, Gulacsi saiu errado e Hummels cabeceou para cima. Antes de a bola cruzar a linha do gol, Havertz completou também de cabeça

23 minutos - GOL DA HUNGRIA! Vacilo da zaga alemã na saída de bola da Hungria. Szalai deu o passe no miolo da defesa e Schäfer marcou de cabeça, na saída de Neuer

34 minutos - Gosens cruzou na área e Muller cabeceou todo desequilibrado, por cima

35 minutos - Kroos tabelou com Goses, invadiu a área e bateu com perigo, à esquerda do gol da Hungria

38 minutos - GOL DA ALEMANHA! Em jogada de Musiala pela esquerda, Werner finalizou em cima da zaga e a bola sobrou para Goretzka, que encheu o pé de primeira e estufou as redes

Tags: Seleção Alemã, Alemanha, Seleção da Alemanha, Mannschaft, Euro 2020, Eurocopa

5 comentários:

  1. Que sufoco! Triste ver a Mannschaft sofrer tanto contra um adversário tão limitado! Posse de bola, mas só "chuveirinho", ala England de tempos atrás... Mas agora, outro English time. Bom, ao mesmo evitou-se outro vexame histórico, onde este por pouco mais de seis minutos, não materializou! Eliminada em casa, numa Euro, pela Hungria, não ficando nem entre os 4 melhores terceiros... Este é o quintal atual da seleção alemã! Os adversários agradecem. Título entre o quarteto fantástico: Ita-Fra-Ing-Esp.

    ResponderExcluir
  2. A Alemanha teve sorte nessa Euro devido ao regulamento permitir que até 4 seleções com o terceiro lugar passasse às oitavas. O trio defensivo Hummels>Ginter> Rüdiger ( Não funciona pois é lento e erra muito ) Contra seleções fortes como a Itália que tem um recorde de 30 jogos invictos , Bélgica , Inglaterra e Espanha , além da França , esse time vai ser massacrado e a vergonha vai ser grande. Não acredito que a Alemanha possa vencer o English Team com esse futebol que está apresentando. Com certeza sob a supervisão de Hans Flick , a Alemanha será uma outra seleção pois Löw já era pra ter voado desde o vexame da copa de 2018.

    ResponderExcluir
  3. Concordo! Contra Portugal foi ponto fora da curva, com dois gols contra ajudando! É uma seleção alemã muito limitada tecnicamente, longe de ter chances de título! Há seleções melhores na Euro hoje, até fora da patota tradicional (Bélgica, por exemplo). Difícil a Inglaterra não passar até com certa facilidade, dado a imaturidade até da Mannschaft atual (vide os gols que toma. Segundo gol da Hungria é um belo exemplo (Sané, que é meia, correndo desesperado atrás do atacante e trombando com saída atabalhoada do melhor goleiro do mundo!), assim como o nº 2 de Portugal (gol de treino), fora o baile que levou da França, onde 0x1 ficou barato, convenhamos. Teve muita dificuldade contra uma seleção fraquíssima tecnicamente como a da Hungria (vide gols que tomou da Alemanha, falhas bisonhas, não condizentes com uma seleção! O primeiro gol, foi aquele que a gente toma no rachão do final de semana, na grama sintética, onde o goleiro é o nosso gerente de banco...Ridículo. A gente ainda vai tomar cerveja e comer uma carninha, estes caras ganham milhões para fazer isso. Ai Jesus, meu salário!). Pra quem chegou a ver Breitner, Rummenig (infelizmente apenas vice, duas vezes), Mathaus, Klinsmann, Brehme, Lahm e Schweinsteiger (apesar que este tem uma mancha, o soco na bola inexplicável, dentro da área, na semi Euro 16 (meio esquisito este lance...)), mas, enfim um "bom" jogador, dentre outros, ver a agora, Sané (sono), Werner (grossinho de bola), Rudigger (dios mio), Ginter (fraco), Hummels (já deu né? Lento, pesadão, faltou só o Boateng, que acho que não tiveram coragem de chamar!), Muller (já deu tbm) e o melhor do mundo, que as vezes faz umas lambanças (vide 0x2 Coréia), é triste! Infelizmente a seleção alemã está perdendo seu elã de vencedora e se tornando uma seleção comum. É uma pena, pois é um país que gosta muito de futebol, tem poder econômico, mas não tem time (A Inglaterra é um exemplo típico! A Alemanha está ficando igual. Temo que tenha que apelar como Argentina 78 e a própria Inglaterra em 66, não deveria, pois as gerações anteriores, ao que parece (sabe-se lá) ganharam no campo, com algum talento (apesar que 54 e 74, precisaria analisar as conquistas com mais carinho, pois ganhou na "raça", dado que os adversários eram muito superiores à época. Alguma dúvida disto? Nesta Euro, nas oitavas, algumas seleções se deram bem, Itália, França e Suécia. Depois é que a coisa anima um pouco e a Inglaterra está com caminho aberto até a final (será por que é em Londrês?).

    ResponderExcluir
  4. Ah! Não posso ir ler um pouco na cama, sem deixar uma reflexão aos amigos: Enquanto a Alemanha entra em campo com Gundogan, Gnabry e Sané, alemães naturalmente, a Hungria, entre com os húngaros: Schäfer (fez gol), Kleinheisler, começaram jogando e no banco, Schön e Holender! Dá pra entender?

    ResponderExcluir
  5. Great.. Thanks for sharing this information!!
    Awesome work!!
    Buy gmail pva accounts

    ResponderExcluir