Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Dia da Mentira: Philipp Lahm cogitou procurar a Justiça por conta de piada em 1º de abril; relembre

O 1º de abril é conhecido mundialmente como Dia da Mentira. E na Alemanha não é diferente. Não faltam piadas nesta data e o futebol também é usado para as notícias fakes.

Só que em 2017, uma brincadeira com Philipp Lahm, que na época ainda defendia as cores do Bayern de Munique, não pegou muito bem e o então lateral-direito chegou a indicar que iria procurar a Justiça alemã.

Naquele dia, uma empresa do ramo fitness da cidade de Munique anunciou que Lahm "seria o mais novo investidor do produto, depositando 7 dígitos na conta", fazendo com que muitos veículos de comunicação dessem a notícia como se fosse verdadeira.

Mas não era, claro. Era 1º de abril. E, por isso, o ex-jogador pensou em processar a empresa.

"Uma piada do primeiro de abril tem que ser engraçada em algum lugar. E isso não é engraçado. Aqui você tenta ganhar vantagem com uma reportagem de 1º de abril", disse naquela época Roman Grill, advogado de Lahm.

"Isso não tem nada a ver com diversão. Aos nossos olhos, é um truque barato para anunciar a empresa usando uma pessoa conhecida. Vamos ver o que faremos", continuou.

E a empresa chegou a se desculpar publicamente: "Lamentamos muito que tenhamos desencadeado tal onda com o anúncio. Já não parece mais ser uma piada de 1º de abril. Nós, como esportistas, admitimos nosso erro e faremos ofertas sobre como podemos retificar as coisas, por exemplo, fazendo uma doação para a Fundação Philipp Lahm".

No final das contas, Lahm não processou a start-up fitness e ficou por isso mesmo.

Tags: Bundesliga, Bayern de Munique, Bayern, Campeonato Alemão, Futebol Alemão, Bundesliga, Philipp Lahm

Nenhum comentário