Ad Home

Últimas

Os quatro clubes alemães avançaram às oitavas de final da Champions. O que esperar deles no mata-mata?

Terminou a fase de grupos da Uefa Champions League e os quatro clubes alemães se classificaram às oitavas de final da competição. Uns com facilidade, outros no sufoco.

Mas o que esperar deles no mata-mata?

Atual campeão, o Bayern de Munique avançou com tranquilidade, na liderança, se dando ao luxo de usar um time praticamente reserva no jogo diante do Atlético de Madrid, na Espanha - e ainda conseguir um empate, mantendo a invencibilidade desde a edição passada.

Independente do adversário nas oitavas, que será definido no sorteio do dia 14 de dezembro, o Bayern é favoritíssimo. E também muito favorito ao título, o hepta da Liga dos Campeões.

O Borussia Dortmund também terminou como líder da sua chave, e com uma rodada de antecedência, mas avançou sem conseguir vencer a Lazio, segunda colocada. Foi uma derrota na Itália e um empate no Signal Iduna Park.

Não é de hoje que o BVB é um time bastante irregular. O técnico Lucien Favre é muito questionado por algumas escolhas e escalações erradas.

Atlético de Madrid e Barcelona são possíveis adversários nas oitavas. 

Um possível sucesso do Dortmund passa pela plena recuperação do centroavante Haaland, que sofreu lesão muscular e só volta a jogar em 2021. O mata-mata começa no meio de fevereiro. 

A campanha cheia de tropeços na Bundesliga, com derrotas inesperadas e atuações abaixo da média, não indicam que o Borussia Dortmund chegue tão longe na Champions.

Os outros dois alemães foram às oitavas de final na segunda colocação de seus respectivos grupos. O Borussia M'gladbach teve mais sorte do que juízo, já que perdeu na última rodada diante do Real Madrid, na Espanha, e só classificou porque Inter de Milão e Shakhtar Donetsk ficaram no 0 a 0.

Se qualquer um dos dois vencesse, o Gladbach ficaria de fora.

Os Potros têm um ataque muito bom, comandando por Plea e Thuram, mas peca na marcação do meio de campo e também no setor defensivo. Chegar numa semifinal seria lucro.

E, por fim, o RB Leipzig. A equipe estava no grupo da morte ao lado de PSG, Manchester United e Istanbul Basaksehir, atual campeão turco, e avançou atrás do clube francês.

Na rodada final, vencia o United por 3 a 0, permitiu que os ingleses fizessem dois gols e segurou a suada vitória por 3 a 2. Se o adversário conseguisse o empate, o Leipzig estaria eliminado.

Mesmo sofrendo, os Touros têm um pouco mais de possibilidade de sucesso do que BVB e Gladbach. O técnico Julian Nagelsmann consegue fazer o time jogar de igual para igual contra adversários maiores e de mais tradição.

Tirando, claro, a derrota por 5 a 0 diante do Manchester United, na Inglaterra.

O Leipzig foi semifinalista da última Champions League e sonha em repetir a campanha. E é bastante possível. Dependendo muito, claro, da sua sorte no sorteio das oitavas e quartas. É um elenco com condições de chegar longe.

Tags: Liga dos Campeões, Champions League, Bayern de Munique, Bayern München, Borussia Dortmund, BVB, Borussia M'gladbach, RB Leipzig

Nenhum comentário