Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Atualmente no Atlético-MG, Di Santo fala sobre uma possível volta ao futebol alemão

Por Carlos Eduardo Schön
@cadado_schon


O torcedor do Atlético-MG pode ter motivos para começar a se preocupar. A menos de um ano no clube, o atacante Di Santo não escondeu o seu desejo de voltar à Bundesliga, especificamente para atuar pelo Werder Bremen.

Em entrevista concedida ao portal alemão Weser Kurier na última segunda-feira, o argentino declarou todo o seu amor pelos Papagaios. "Foi a minha primeira equipe na Alemanha. Até mesmo quando eu estava no Schalke e era perguntado, eu sempre dizia que o Bremen era meu clube. Por isso seria um prazer para mim voltar ao Werder, mesmo que minha despedida não tenha sido bonita".

Vale lembrar que Di Santo chegou à Bundesliga na temporada 2013/14 proveniente do Wigan a custo zero. Após dois anos, o clube do norte alemão vendeu o jogador do Galo para o Schalke por 6 milhões de euros, pouco antes da temporada começar. Saída essa que não agradou em nada aos torcedores.


"Eu esperei por um acordo com o Bremen até o último momento, mas no fim não nos acertamos. Minha decisão não teve nada a ver com fatores econômicos, pois eu queria um novo desafio e o Schalke tornou isso possível. Eu disputei uma competição europeia com o clube", recorda o argentino.

Com contrato com o Atlético-MG até o final do ano, o argentino deixou o futuro totalmente em aberto, além de citar que sua venda ao Schalke também foi algo importante para o clube na época.

"Eu tinha chegado a custo zero e dois anos depois o Schalke recebeu 6 milhões de euros. As pessoas também deveriam pensar nisso. Em dezembro (2020) seria a mesma situação: eu estarei sem contrato".

Nenhum comentário