Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Thomas Müller recusa oferta milionária da China por ainda sonhar em voltar à seleção alemã

O meia-atacante Thomas Müller recebeu uma oferta praticamente irrecusável do futebol chinês, mas, segundo informações da revista "Kicker", ele recusou.

A publicação indica que um clube da China fez a proposta de um salário anual de 25 milhões de euros ao jogador, que recebe atualmente no Bayern de Munique algo em torno de 15 milhões de euros por temporada.

Seria um aumento substancial de 10 milhões de euros, quase dobrando seus vencimentos.

E ele tem contrato com o clube bávaro até junho de 2021.


De acordo com o "Bild", Müller não aceitou a oferta chinesa por ainda sonhar em retornar à seleção alemã - Joachim Löw avisou que não convocaria mais o jogador (ao lado de Hummels e Boateng) para dar sequência ao processo de renovação da Mannschaft.

Atuando no Bayern, ele considera viável voltar ao time nacional. Na China, isso não seria mais possível.

O fato é que Thomas Müller fez uma boa temporada 2018/2019 pelo Bayern, recuperando seu bom futebol. O camisa 25 atuou em 45 jogos oficiais, grande parte como titular, com nove gols anotados.

Será que o atleta convence Löw de que ele ainda tem lenha para queimar na seleção?

Nenhum comentário