Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Frankfurt sofre nos pés do garoto João Félix e perde do Benfica no jogo de ida das quartas

A situação do Eintracht Frankfurt ficou complicada na Liga Europa. Nesta quinta-feira, no duelo de ida das quartas de final, a equipe germânica visitou o Benfica em Lisboa e perdeu por 4 a 2, com direito a três gols do garoto João Félix, promessa do futebol português da atualidade.

O duelo de volta está marcado para quinta-feira da semana que vem, dia 18 de abril, na Commerzbank Arena. As Águias alemãs precisam fazer, pelo menos, 2 a 0 para avançar à semifinal da competição.

Foi a primeira derrota do Frankfurt na atual edição da Europa League. Nos 10 jogos anteriores, a equipe conseguiu oito vitórias e outros dois empates


Mesmo atuando em território português, o time alemão começou melhor na partida, segurando bem os donos da casa, com mais posse de bola e bom volume ofensivo.

As coisas, porém, se complicaram aos 20 minutos com a expulsão do lateral N'Dicka, que cometeu pênalti sobre Gedson Fernandes. Na batida, o jovem João Félix, de 19 anos de idade, balançou as redes, colocando no canto de Kevin Trapp.

Apesar da desvantagem numérica em campo, o Frankfurt seguiu se portando bem, mas sem atacar muito. Aos 40, Rode roubou a bola no meio de campo, Rebic avançou até a área do Benfica e cruzou para Luka Jovic marcar, batendo de primeira.

Lembrando que Jovic defendia o Benfica antes de transferir para o Eintracht, em 2017. É a lei do ex em ação.

Quando a torcida alemã fazia a festa no Estádio da Luz, aos 43, João Félix recebeu na meia-esquerda e soltou a bomba de fora da área, recolocando os anfitriões na frente do placar. Na sequência, Trapp fez boa defesa em finalização de Cervi.


No começo da etapa final, após batida de escanteio, João Félix escorou na primeira trave e, sozinho, Ruben Dias apareceu para colocar de cabeça para as redes. O quarto gol saiu aos nove minutos: Grimaldo cruzou e João Félix bateu de primeira para anotar um "hat-trick".

Os donos da casa pressionaram em busca de mais gols e o goleiro Trapp conseguiu evitar com boas defesas.

Numa das poucas investidas do Frankfurt em seu campo de ataque, o time ganhou escanteio e, na batida de Jonathan de Guzman, o atacante português Gonçalo Paciência, que tinha acabado de entrar, diminuiu de cabeça. Isso aos 27 minutos do segundo tempo.

Os alemães se animaram com o segundo gol e quase marcaram o terceiro com Kostic, chutando por cima do gol.

Nenhum comentário