Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Seleção da 19ª rodada da Bundesliga - Chucrute FC / Alemanha FC

Por Vitor Rawet

Goleiro: Kevin Trapp (Eintracht Frankfurt)

O Frankfurt arrancou um ponto no confronto diante do Bremen e deve isso muito a Trapp. Mesmo sofrendo dois gols, foram 10 defesas feitas pelo goleiro da seleção alemã, sendo 5 de dentro da área. Se não fosse ele, a derrota era certa.

Zagueiros: Daniel Brosinski (Mainz), Ibrahima Konaté (RB Leipzig) e Achraf Hakimi (Borussia Dortmund)

Não é de hoje que Brosinski é peça decisiva para o Mainz. Contra o Nuremberg, o lateral-direito participou dos dois gols que deram a vitória para sua equipe. Primeiro abriu o placar batendo pênalti e depois completou a boa atuação com uma assistência.

Desde que chegou no Leipzig, Konaté mostrou ser um zagueiro acima da média. Na goleada sobre o Düsseldorf, não só foi seguro na defesa, como também subiu ao ataque em condução de bola e marcou um bonito gol.

O lado direito da defesa do Hannover deve estar até agora sonhando com Hakimi. Isso porque o lateral-esquerdo marroquino abusou das construções de jogadas por este setor, fazendo tabelas como no primeiro gol aurinegro ou roubando a bola no campo de ataque e dando uma assistência, como no segundo.


Meio de Campo: Joshua Kimmich (Bayern de Munique) e Kerem Demirbay (Hoffenheim)

Há alguma novidade no fato de Kimmich ser mais uma vez um dos principais jogadores do Bayern? Atuando como lateral-direito, mas muitas vezes jogando por dentro, a joia alemã contribuiu com duas assistências.

Nagelsmann escalou Demirbay jogando mais adiantado, mais perto do gol. E não se arrependeu disso. Aparecendo muito mais que nos últimos jogos, o camisa 10 deixou o gol dele e ainda deu uma assistência.

Pontas: Jadon Sancho (Borussia Dortmund) e Raphael Guerreiro (Borussia Dortmund)

Rápidos, agressivos e habilidosos, a dupla de pontas do Dortmund raramente deixa a desejar. Contra o Hannover, Sancho e Guerreiro não mudaram esse cenário. Enquanto o jovem inglês deu duas assistências, o jogador português também assistiu um companheiro, além de ter feito um gol.

Atacantes: Marco Reus (Borussia Dortmund), Robert Lewandowski (Bayern de Munique) e Yussuf Poulsen (RB Leipzig)

Voltando de lesão, Reus mostrou porque é tão importante para o Borussia Dortmund. Participando de quase todas as jogadas ofensivas, não só contribui individualmente, como potencializa também atuação de seus companheiros. Para completar, fez um gol e deu uma assistência.

Lewandowski manteve o seu padrão e mais uma vez foi as redes, desta vez diante do Stuttgart, ao driblar de maneira bonita um adversário e finalizar com precisão. Como se não bastasse, ainda deu uma assistência.

Com 15 minutos de partida, o Leipzig já vencia o Düsseldorf por 3 a 0 (no segundo tempo sairia o quarto gol). E um dos grandes responsáveis pela vitória vir tão cedo foi Poulsen. O dinamarquês foi duas vezes as redes.

Nenhum comentário