Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Seleção da 5ª rodada da Bundesliga - Chucrute FC / Alemanha FC

Por Vitor Rawet

Goleiro: Andreas Luthe (Augsburg)

Nas primeiras rodada da Bundesliga, Giefer, então goleiro titular do Augsburg falhou em ao menos três gols da sua equipe. Por isso Luthe assumiu o primeiro posto diante do Bayern de Munique. O resultado não podia ser melhor: incríveis sete defesas ao longo dos 90 minutos, algumas delas bem difíceis.


Zagueiros: Milos Veljkovic (Werder Bremen), Manuel Akanji (Borussia Dortmund) e Ermin Bicakcic (Hoffenheim)

Veljkovic foi bastante seguro na defesa no duelo contra o Hertha Berlin. Mas foi no ataque que o zagueiro sérvio foi decisivo. Fez um gol de cabeça após cobrança de escanteio.

Poderia se dizer que a exibição defensiva consistente de Akanji com duas roubadas de bola e mais de 97% de aproveitamento nos passes já seria suficiente para o suiço estar na seleção. Mas ele foi além disso, marcou um belo gol ao entortar o zagueiro adversário e finalizar com precisão.

Voltando de lesão, Bicakcic mostrou porque é imprescindível ao Hoffenheim. Tirou uma bola em cima da linha, bloqueou um chute, foi responsável por cinco roubadas de bola e venceu nove divididas em doze disputadas na vitória da sua equipe sobre o Hannover.

Meio de campo: Domink Kohr (Bayer Leverkusen) e Thomas Delaney (Borussa Dortmund)

O Leverkusen vinha tendo problemas em sua primeira linha de meio de campo. Porém contra o Dusseldorf, Kohr voltou a boa fase e cumpriu com o papel de prejudicar as construções de jogadas do adversário. Não só isso, ainda foi importante no ataque. Conferiu uma assistência e ainda deu dois passes-chave.

Outro que dominou o meio de campo foi Delaney. Acertando 94% dos passes, o dinamarquês ainda deu dois lançamentos magistrais que iriam resultar em gols do Dortmund na goleada sobre o Nuremberg.

Pontas: Thorgan Hazard (Borussia Mönchengladbach) e Marco Reus (Borussia Dortmund)

Se o Hazard mais conhecido fez chover pelo Chelsea, o irmão mais novo não fica atrás. Atuando pelo lado esquerdo, foi dor de cabeça constante para a defesa do Frankfurt. Ao final da partida, saiu com um desempenho de um gol e uma assistência.

Se tem uma posição em que Reus rende bem, é como um meia com liberdade atrás do centroavante se aproveitando dos espaços na entrelinha. Com essa função o capitão aurinegro deu uma assistência e ainda foi às redes duas vezes.

Atacantes: Florian Niederlechner (Freiburg), Kevin Volland (Bayer Leverkusen) e Jacob Bruun Larsen (Borussia Dortmund)

Com um 4-4-2 simples, mas funcional, o Freiburg se acertou na Bundesliga. Uma peça importante desse esquema é Niederlechner, que contra o Schalke fez o gol decisivo da vitória do time da Floresta Negra.

Assim como todo o time do Leverkusen, Volland estava devendo. Porém jogando em uma função diferente, como ponta pela esquerda, ele marcou os dois gols que deram a vitória aos Aspirinas sobre o Dusseldorf.

Aposta de Favre nos jogos mais recentes, parece que Larsen se encontrou no Dortmund. Contra o Nuremberg, o jovem jogador partia sempre da esquerda para dentro e dessa maneira marcou um bonito gol em finalização difícil e ainda deu uma assistência.

Nenhum comentário