Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Lateral Pablo Maffeo admite transferência ao Stuttgart por "orientações de Pep Guardiola"

Por Taynã Melo
@mellotainan

Contratado pelo Manchester City em 2013, mas com poucas aparições no time principal, jovem jogador catalão se destacou no Girona e tem oportunidade de tornar seu futebol mais evidenciado em uma competição de alto nível europeu

Dentre as tantas mudanças no elenco do Stuttgart entre uma temporada e outra, uma das mais destacáveis contratações nesta janela de transferências foi o lateral-direito Pablo Maffeo. Com apenas 21 anos de idade, o jogador catalão é tido como uma das boas promessas do futebol europeu e as consistentes atuações em sua breve carreira fortalecem essa ideia.

Contratado pelo Manchester City aos 16 anos junto ao Espanyol, o atleta não teve muitas chances no time profissional inglês. Mas os bons números na equipe Sub-23 e as duas temporadas que esteve no Girona foram fundamentais para o destaque ser ampliado não apenas ao cenário anglo-espanhol, mas a outros grandes centros do Velho Continente.


Apesar da pouca idade, já atuou nos principais campeonatos da Inglaterra e da Espanha. Foi um dos destaques do time Sub-23 do Manchester City. Para ganhar experiência, foi emprestado duas vezes ao Girona. Praticamente em casa, uma vez que o clube é da Catalunha, foi peça importante no sistema defensivo nos anos que resultaram no inédito acesso e na histórica campanha em sua primeira participação na elite hispânica. Consequentemente, Maffeo já foi convocado para as categorias de base da Seleção da Espanha.

Em 61 jogos pelos catalães, marcou um gol e deu quatro assistências. Maffeo atua como lateral-direito, mas já foi utilizado também um pouco à frente no meio de campo e como zagueiro central. A sua polivalência no campo defensivo também é um recurso que pode ser bastante útil ao Stuttgart.

Em sua apresentação realizada há uma semana, no início dos trabalhos de olho na temporada a ser iniciada em pouco mais de um mês, o jogador deixou claro que recebeu propostas para atuar em outras equipes da Inglaterra. Porém, um conselho dado pelo técnico Pep Guardiola foi fundamental para determinar seu futuro a curto e médio prazo, uma vez que os espaços no time principal continuariam reduzidos por ter Danilo e Walker como concorrentes, além de estar no último ano de contrato com os Citizens.

“Pep Guardiola disse a mim para ser transferido à Bundesliga. Falou muito bem da Bundesliga. Os diretores do Stuttgart fizeram um grande esforço para me convencer. Eu assisti a vídeos de seus jogos em casa e fiquei impressionado com a atmosfera no estádio. Eu quero fazer a minha parte para ajudar o clube a continuar seu desenvolvimento positivo”.

Maffeo apresentou números consistentes com a camisa do Girona. Para se ter uma ideia, cometeu menos faltas que os laterais Dani Carvajal e Jordi Alba, do Real Madrid e Barcelona, respectivamente, titulares na Seleção da Espanha. O contrato com o Stuttgart foi assinado por cinco anos e os suábios desembolsaram cerca de 10 milhões de euros para contar com o jogador. A admiração pelo atleta e a felicidade com o saldo da negociação encantam o diretor-esportivo do clube, Michael Reschke.

“Eu vi Pablo Maffeo pela primeira vez em um jogo da Uefa Youth League e ele já chamou minha atenção. Nas posições defensivas, os talentos de alto nível são raros e o mercado é particularmente competitivo. É ainda mais gratificante para o Stuttgart que possamos contratá-lo, um jogador de desejos absolutos para a lateral-direita. Estamos convencidos de que este é o movimento certo tanto para o jogador como para o clube”.

Como principal concorrente na posição, Maffeo terá a companhia de Benjamin Pavard, titular na Seleção da França que conquistou o bicampeonato mundial, embora sua presença no elenco ainda não esteja certa por conta das informações que dão conta de um interesse do Bayern de Munique em contratar o francês.

Mercado de transferências

Nesse mercado de transferências iniciado no começo do mês de julho e que vai se estender até o fim de agosto, saíram do Stuttgart negociados o lateral-direito Zimmer (Fortuna Düsseldorf), o zagueiro Jérôme Onguéné (Red Bull Salzburg), o meia Julian Green (Greuther Fürth) e o meia-atacante Ginczek (Wolfsburg). Foram emprestados o atacante Roberto Massimo (Arminia Bielefeld) e o lateral-esquerdo brasileiro Aílton (Braga).

Retornaram às equipes de origem após atuarem nos suábios por empréstimo o meia Dženis Burnić (Borussia Dortmund), além dos atacantes Asano (Arsenal), Larsen (Borussia Dortmund) e Carlos Mané (Sporting).

Em compensação, além de Pablo Maffeo, foram contratados o lateral-esquerdo Borna Sosa (Dinamo Zagreb), o zagueiro Marc-Oliver Kempf (Freiburg) e os meias Daniel Didavi (Wolfsburg), David Kopacz (Borussia Dortmund), Gonzalo Castro (Borussia Dortmund), Nicolás González (Argentinos Juniors), Jan Kliment (Brøndby) e Hans Saipei (Senica).

O início da temporada do Stuttgart será em agosto e a equipe vai disputar a DFB-Pokal e a Bundesliga. Na Copa da Alemanha, o adversário da primeira fase será o Hansa Rostock, da 3. Liga. No Campeonato Alemão, a estreia será diante do Mainz 05, na Opel Arena.

Nenhum comentário