Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Sem Marco Reus e Mario Götze, seleção alemã está convocada para pegar Brasil e Espanha

A seleção alemã está convocada para os dois primeiros jogos de 2018, os amistosos contra Espanha (23 de março, em Düsseldorf) e Brasil (27 de março, em Berlim) - foram 26 nomes chamados. Depois desses duelos, no dia 15 de maio, o técnico Joachim Löw divulga a lista preliminar de até 35 jogadores para Copa do Mundo da Rússia.

Confira a agenda de jogos completa da Alemanha


Os grandes desfalques para encarar espanhóis e brasileiros ficam por conta do goleiro e capitão Manuel Neuer, que segue se recuperando de uma lesão no pé e deve voltar aos gramados em abril, e de Marco Reus. O meia-atacante do Borussia Dortmund deixou o jogo contra o Salzburg pela Liga Europa com problema muscular na coxa e fica de fora dos duelos.

Mario Götze, também do BVB, não foi convocado por opção de Löw.

"Temos muitas opções em algumas posições. Em outras posições, nem tanto. Por isso precisamos de jogadores flexíveis e variáveis no elenco. Embora a porta para a seleção ainda não esteja fechada, ainda existem alguns jogadores que estão em nosso radar e têm chance de ir para Copa se nos convencerem nas próximas semanas", disse Joachim Löw.

Veja os 26 convocados:

Goleiros: Bernd Leno (Bayer Leverkusen), Kevin Trapp (PSG-FRA) e Marc-André ter Stegen (Barcelona-ESP)

Defensores: Marvin Plattenhardt (Hertha Berlim), Jonas Hector (Colônia), Matthias Ginter (Borussia M'gladbach), Mats Hummels (Bayern de Munique), Antonio Rüdiger (Chelsea-ING), Jerome Boateng (Bayern de Munique), Joshua Kimmich (Bayern de Munique), Niklas Süle (Bayern de Munique)

Meio-campistas: Sami Khedira (Juventus-ITA), Julian Draxler (PSG-FRA), Toni Kroos (Real Madrid-ESP), Mesut Özil (Arsenal-ING), Thomas Müller (Bayern de Munique), Emre Can (Liverpool-ING), Sebastian Rudy (Bayern de Munique), Leroy Sané (Manchester City-ING), Leon Goretzka (Schalke), Ilkay Gündogan (Manchester City-ING), Julian Brandt (Bayer Leverkusen)

Atacantes: Mario Gomez (Stuttgart), Sandro Wagner (Bayern de Munique), Lars Stindl (Borussia M'gladbach), Timo Werner (RB Leipzig)


3 comentários:

  1. Ulreich merecia mais ser convocado que o Trapp

    ResponderExcluir
  2. Low e suas panelas,deixou o líder de assistências da Bundesliga, o jovem Phillip Max de fora.

    ResponderExcluir
  3. Acho que o maior problema do Treinador é no Gol, o titular Neuer me parece, nesta altura, há pouco mais de dois meses da Copa, sem condições de ser convocado (já teria que ter voltado à jogar ...). Dos 03 que vem sendo convocados, penso que o Marc ter Stegen será o titular, mas apesar de ser goleiro do Barcelona, não me parece estar no mesmo nível do Manuel Neuer (o goleiro será um ponto de interrogação para a Copa, na seleção alemã!).(Na Copa das Confederações, os goleiros testados não passaram muita segurança, contra adversários de segundo escalão do futebol, isto é preocupante...).

    ResponderExcluir