Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Stuttgart vence mais uma em casa e amplia série negativa do Borussia Dortmund na Bundesliga

A fase do Borussia Dortmund é péssima dentro da Bundesliga. Nesta sexta-feira, na abertura da 12ª rodada, o time comandado pelo técnico Peter Bosz visitou o Stuttgart na Mercedes Benz Arena e perdeu por 2 a 1, acumulando sua quinta partida seguida sem vitória dentro da competição - quatro derrotas e um empate. Os Suábios, por sua vez, seguem com excelente campanha invicta em casa, com cinco vitórias e um empate.

O BVB é o terceiro colocado com 20 pontos e pode perder até quatro posições dependendo dos resultados do final de semana. Já o Stuttgart está no meio da tabela com 16 pontos, todos eles conquistados em seu estádio. O time é o único que ainda não pontuou fora de casa.

O primeiro gol da partida saiu logo aos cinco minutos, com o atacante Akolo aproveitando uma bobeira incrível da defesa aurinegra. O zagueiro Bartra recuou errado para o goleiro Bürki, que não conseguiu dominar a bola e deixou o jogador do Stuttgart livre para balançar as redes.

Sem Aubameyang, afastado desta partida por conta de problemas disciplinares, o time visitante teve muitas  dificuldades para concluir suas jogadas ofensivas. Nas poucas vezes que conseguiu, parou em defesas do arqueiro Zieler.

Já nos acréscimos do primeiro tempo, Götze cruzou na área e o zagueiro Pavard colocou a mão na bola. Zieler defendeu a penalidade batida por Schürrle, mas Philipp pegou o rebote para empatar o duelo.


Assim como na etapa inicial, a defesa do BVB começou o segundo tempo perdida e viu os anfitriões anotarem o segundo. Brekalo recebeu lançamento em profundidade, invadiu a área e finalizou por baixo de Bürki para recolocar o Stuttgart na frente. Na sequência, Özcan quase fez o terceiro, chutando por cima, raspando a trave.

O Borussia Dortmund partiu com tudo para o ataque e chegou a balançar as redes com um belo gol de Yarmolenko, mas a arbitragem anulou o lance alegando que o ucraniano ajeitou a bola com o braço no começo da jogada. Até o fim, os aurinegros tentaram pressionar o adversário, que assustou em contra-golpes bem encaixados.

Nenhum comentário