Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Com ajuda do árbitro de vídeo, Bayern abre a Bundesliga vencendo o Leverkusen

Começou a Bundesliga. E começou sem surpresas, com o atual pentacampeão Bayern de Munique estreando com boa vitória por 3 a 1 diante do Bayer Leverkusen, na Allianz Arena. Os gols foram anotados por dois reforços para esta temporada, Süle e Tolisso, e pelo artilheiro Robert Lewandowski. O suíço Mehmedi diminuiu para os visitantes.


Jogando em casa, o Bayern partiu para cima logo nos minutos iniciais e marcou duas vezes. Aos nove, Rudy bateu falta na área e o zagueiro Süle marcou o primeiro gol da Bundesliga, de cabeça; dez minutos mais tarde, após cobrança de escanteio, Vidal deu assistência para o francês Tolisso também usar a cabeça e ampliar o placar.

Tolisso quase fez mais um, acertando a trave do goleiro Leno.

No segundo tempo, o Bayer Leverkusen voltou com Brandt no lugar de Bailey e melhorou um pouco sua produção ofensiva, incomodando bastante a defesa bávara. Na chance mais clara, o próprio Brandt tentou marcar de letra e parou em intervenção de Ulreich. O chileno Aranguiz pegou o rebote e finalizou para o gol, com Kimmich salvando em cima da linha.

Aos sete minutos, Aranguiz puxou Lewandowski dentro da área e o juiz não marcou a falta. Porém, o árbitro de vídeo - novidade da Bundesliga nesta temporada - foi acionado e a penalidade foi confirmada alguns segundos mais tarde, com o atacante polonês batendo com categoria para marcar o terceiro tento. O quarto quase saiu com Hummels, que cabeceou firme no canto, parando em Leno.

O gol de honra do Leverkusen saiu aos 20 minutos. Brandt recebeu na entrada da área e deu passe açucarado para Mehmedi encher o pé e fuzilar a meta do goleiro do Bayern. Com Robben e Coman em campo e apostando nas jogadas de contra-ataque, o time da casa teve chances para ampliar, mas não conseguiu. Nas duas principais, Lewandowski e Robben saíram cara a cara com Leno e falharam nas finalizações - Lewa para fora e o holandês em cima do goleiro rival.

Nenhum comentário