Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Seleção feminina sai perdendo por 2 a 0, mas busca empate com Austrália no fim

Em sua segunda partida no torneio feminino de futebol dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, a Alemanha suou a camisa, mas conseguiu buscar o empate por 2 a 2 com a Austrália nos minutos finais de partida, depois de sair perdendo por 2 a 0 na Arena Corinthians, em Itaquera, na zona leste de São Paulo.

>> Na estreia, seleção feminina fez 6 a 1 sobre Zimbábue. Confira aqui

As alemãs foram aos quatro pontos na chave F da competição, ficando bem perto da vaga às quarta de final, enquanto as australianas somaram o seu primeiro ponto. Fechando sua participação na primeira fase, as alemãs encaram o Canadá na próxima terça-feira, dia 9 de agosto - as canadenses lideram o grupo com seis pontos, enquanto as africanas de Zimbábue estão sem pontuar.

Em um primeiro tempo dominado pela Alemanha, a Austrália chegou duas vezes ao seu campo de ataque e marcou duas vezes. Logo aos seis minutos, Samantha Kerr recebeu na frente da goleira Schult e balançou as redes; no último minuto da etapa inicial De Vanna fez uma jogada espetacular pela esquerda, passou pela marcação alemã e rolou para Foord anotar o segundo da seleção da Oceania.

No lance seguinte, ainda antes do intervalo, a Frauen Mannschaft conseguiu diminuir o prejuízo com golaço de Däbritz, que colocou a bola no ângulo, batendo de trivela.

As alemãs seguiram com mais posse de bola na etapa final, mas deram muito espaço para contra-ataques das australianas, que perderam diversas chances para ampliar o placar. A goleira Schult fez, pelo menos, três excelentes defesas. Sem contar os chutes para fora. As germânicas também criaram boas oportunidades, principalmente em finalizações de média distância, parando em intervenções da goleira Williams. A pressão das europeias deu resultado e, aos 43 minutos, saiu o gol de empate: Bartusiak aproveitou batida de falta na área e decretou a igualdade marcando meio de coxa, meio de barriga.

A equipe da técnica Silvia Neid teve Schult, Kemme, Krahn (Henning), Bartusiak e Maier; Behringer, Marozsan (Goessling), Däbritz; Leupolz e Mittag (Kerschowski); Popp.

Nenhum comentário