Ad Home

Últimas

Puma entra na briga para fazer a camisa da seleção alemã

No começo do ano, Wolfgang Niersbach, atualmente ex-presidente da DFB (Federação Alemã), admitiu que a seleção alemã poderá mudar a fornecedora do seu material esportivo em breve - a Adidas tem contrato com a até o fim da Copa de 2018, mas a Nike estaria disposta a ter a Mannschaft como parceira depois disso.

► Seleção alemã pode trocar a Adidas pela Nike

Nesta semana, porém, uma outra marca entrou na briga: a Puma, que também é alemã, assim como a Adidas. Lembrando que a Nike é norte-americana.


Em entrevista ao "WirtschaftsWoche", site especializado em economia, um porta-voz da Puma admitiu que já existem contatos com a DFB nesse sentido, mas sem revelar valores. "Sim, nós estamos conversando com a Federação sobre o fornecimento de material esportivo".

A Adidas, no entanto, não pretende perder a Alemanha e já prepara uma oferta bilionária de renovação nos próximos meses: 100 milhões de euros por ano em um contrato de 10 anos (totalizando 1 bilhão de euros), segundo o Bild informou.

Atualmente, a seleção alemã recebe 28 milhões de euros anuais da Adidas, enquanto a seleção da França faturou 42 milhões de euros com a Nike no último contrato. Já a Inglaterra, também com a Nike, recebeu 33 milhões de euros no último ano.

Ainda de acordo com o Bild, a Nike também pensa em oferecer para Alemanha um contrato de 100 milhões de euros por ano a partir de 2018, totalizando 1 bilhão de euros até o final do vínculo, que seria em 2028. A Adidas está com a seleção desde 1976.

Puma, Adidas ou Nike? Quem você prefere na seleção? Comente abaixo =)

9 comentários: