Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Top 5: os maiores artilheiros da história da seleção alemã

Por Alexander Rodrigues

5º – JÜRGEN KLINSMANN – 47 GOLS

Klinsmann defendeu a Die Mannschaft entre os anos de 1987 e 1998, marcando um total de 47 gols em 108 jogos.

Em matéria de canecos, Klins se sagrou campeão do mundo em 1990 na Itália, além de ter disputado duas finais de Eurocopas seguidas, perdendo a primeira em 92 na Suécia e ganhando a segunda em 96 na Inglaterra, lembrando que ele também foi bronze nas Olimpíadas de 88, em Seul.

4º – RUDI VÖLLER – 47 GOLS

Rudi está à frente de Klinsmann por ter feito o mesmo número de gols em menos jogos, no caso foram 47 tentos em 90 partidas nos doze anos que envergou a camisa da Nationalelf.

Depois de ser vice na Copa de 1986 no México, o atacante teve uma segunda chance em 1990 na Itália, onde ergueu o tri da Alemanha. 

Völler ainda seria vice da Eurocopa de 1992 na Suécia.

3º – LUKAS PODOLSKI – 49 GOLS

Mais conhecido pelos jovens, Podolski teve uma longa carreira na seleção alemã, onde jogou por treze anos balançando as redes adversárias em 49 ocasiões nos 130 jogos que disputou.

Poldi teve o seu maior momento na Copa de 2010. Estava no elenco do tetracampeonato mundial na Copa do Brasil em 2014, batendo a Argentina na final do Maracanã, mas pouco atuou.

2º – GERD MÜLLER – 68 GOLS

Melhor média desse Top 5 com mais de um gol por jogo, Gerd Müller marcou incríveis 68 tentos em 60 partidas pela Die Adler. Não foi à toa que ele ficou conhecido como der Bomber, o bombardeador.

Em matéria de títulos, Gerd conseguiu dois de primeira grandeza em um espaço de dois anos, quando foi campeão da Eurocopa de 1972 na Bélgica e da Copa do Mundo de 1974, disputada em casa, na Alemanha.

1º – MIROSLAV KLOSE – 71 GOLS

Maior artilheiro da história das Copas, Klose também está no primeiro lugar de gols pela seleção da Alemanha. O atacante fez 71 em 137 jogos, entre os anos de 2001 e 2014.

Depois dos vices da Copa do Mundo em 2002 e da Eurocopa em 2008, Klose se sagrou campeão do mundo com a Alemanha em 2014.

Tags: Seleção Alemã, Alemanha, Seleção da Alemanha

Nenhum comentário