Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Alemanha vence mais uma fora de casa e segue 100% nas Eliminatórias da Euro 2020

Sem muitas dificuldades, a Alemanha venceu a seleção de Belarus jogando fora de casa, neste sábado, e se manteve 100% nas Eliminatórias da Euro 2020. Lembrando que na estreia, também como visitante, a seleção alemã havia batido a Holanda.

Confira a agenda de jogos da Alemanha

O gols da vitória por 2 a 0 em Borisov foram de Leroy Sané e Marco Reus.

Com seis pontos conquistados, a Mannschaft volta a campo pelo grupo C da competição na próxima terça-feira, dia 11 de junho, diante da Estônia. O duelo está marcado para Opel Arena, em Mainz.


Sem Joachim Löw, que ainda se recupera de uma lesão abdominal, o treinador neste duelo foi o auxiliar Marcus Sorg. Ele mandou a campo o time na formação 3-4-3, com Neuer; Ginter, Süle e Tah; Klostermann, Kimmich, Gündogan, e Schulz; Reus, Gnabry e Sané.

Na etapa final ainda entraram Draxler, Brandt e Goretzka.

A equipe germânica dominou praticamente todo duelo, terminando os 90 minutos com 75% de posse de bola e 23 finalizações a gol, contra apenas seis do adversário.


O primeiro gol saiu aos 12 minutos. Kimmich encontrou Sané, que dominou na área, limpou a marcação e finalizou colocado de perna esquerda. Um belo gol.

Os donos da casa assustaram em dois lances e quase empataram. Na principal chance de Belarus, o zagueiro Naumov subiu mais alto que a zaga e cabeceou com força, exigindo uma defesaça de Manuel Neuer, que evitou o empate.


O segundo tempo foi praticamente igual ao primeiro, com a Alemanha mantendo a posse de bola no seu campo ofensivo e tentando furar a defesa dos bielorrussos, que tentavam sair nos contra-ataques para surpreender.

Aos 17 minutos, o zagueiro Ginter subiu para o ataque e rolou boa bola para Marco Reus. O camisa 11 dominou já invadindo a área e, sozinho na frente do goleiro Gutor, chutou no alto para anotar o segundo gol da Alemanha.

Com dois gols de vantagem no marcador, ficou mais fácil administrar o triunfo sem correr grandes riscos. A equipe ainda seguiu acuando os da casa no campo de defesa no restante da etapa final, mas não balançou mais as redes.

Sané, aos 38 minutos, quase marcou o terceiro gol, mas a cabeçada após cruzamento de Ginter acertou a trave.

Nenhum comentário