Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Joachim Löw revela que falou com Sandro Wagner sobre retorno do atacante à seleção alemã

O atacante Sandro Wagner chegou a integrar a lista de pré-convocados da Alemanha para Copa do Mundo, mas, depois, o técnico Joachim Löw preferiu deixar o centroavante do Bayern de Munique fora da relação final de 23 nomes do Mundial, chamando Mario Gomez.

E isso não foi muito bem digerido por Sandro Wagner, que anunciou sua aposentadoria da seleção alemã, mesmo com poucos jogos disputados - aos 30 anos de idade, ele entrou em campo apenas oito vezes e marcou cinco gols pela Mannschaft.

Para o novo ciclo à frente da seleção, Löw admitiu que até pensou em convocar o atacante mais uma vez, mas revelou que ele não pretende mais vestir a camisa do time nacional.


"Eu telefonei para Sandro Wagner duas ou três semanas atrás, conversamos por um tempo. Nós não temos qualquer problema um com o outro. Mas sua volta à Alemanha está fora de cogitação. Ele disse que renunciou ao time e quer que continue assim", comentou o treinador.

"Sandro foi um trunfo para a nossa equipe durante a Copa das Confederações, ele é um cara emocional, um cara do bem. É claro que ele ficou desapontado com a não convocação para Copa do Mundo. Isso mostra sua paixão", finalizou Joachim Löw.

2 comentários:

  1. Problema maior é que tem muitos treinadores que convoca o jogador mas quase nunca usa ele no time, quando o faz, é apenas nos instantes finais da partida quando já não da mais tempo para nada. Joachim Low fez isso com Julian Brandt na copa do mundo escalando ele nos finais das partidas,e isso é muito frustrante para um jogador que quer representar o seu país. Pra deixar o jogador participar só 2 ou 3 minutos é melhor nem convocar. Nessa liga das Nações ele vai escalar as mesmas figurinhas da copa do mundo e os poucos novatos da relação ele só vai usar quando for terminar as partidas . A Alemanha tem que sofrer outro vexame para que esse técnico teimoso entenda que esses jogadores que foram campeões em 2014 já deveriam se aposentar da seleção e dar lugar aos novos talentos.

    ResponderExcluir
  2. Sandro Wagner tem vergonha na cara, renunciou e vai cumprir! Tá certo ele, faria o mesmo, e na boa tomara que Alemanha "apanhe" da França hoje. Renovação com Low no comando é uma piada!

    ResponderExcluir