Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Toni Kroos é eleito melhor jogador da Alemanha em 2018. Jupp Heynckes vence como melhor técnico

Por Vitor Rawet

No tradicional prêmio concedido pela revista "Kicker", o atual tricampeão da Uefa Champions League Toni Kroos desbancou os adversários e foi considerado o melhor jogador da Alemanha no ano de 2018, mas que leva em conta a temporada 17/18.

"É e continuará sendo uma grande honra. Não é um prêmio fácil de se conseguir e, o mais importante, não são todos que atingem tal conquista", disse Kroos. Foi a primeira vez que o volante do Real Madrid ganhou tal prêmio.


A premiação é disputada desde 1960 e definida através de uma eleição envolvendo mais de 450 jornalistas que cobrem o futebol alemão. Concorrem os jogadores alemães e também os estrangeiros que jogam na Bundesliga.

O maior vencedor do prêmio é ninguém menos que o "Kaiser" Franz Beckenbauer, com cinco conquistas. E já teve brasileiro ganhando: Em 2009, Grafite foi o artilheiro da Bundesliga e peça fundamental do Wolfsburg campeão alemão.

Kroos venceu com uma grande margem. Mesmo após uma Copa do Mundo questionável, ele obteve 185 votos, enquanto Nils Petersen foi o melhor para 39 jornalistas. Após excelente temporada com o Schalke, o brasileiro Naldo ficou em terceiro apenas um voto atrás do atacante do Freiburg.

Disputa foi mais apertada entre os técnicos


Entre os treinadores, a disputa foi bem mais acirrada. Muito impulsionado pelo título da Bundesliga com o Bayern de Munique assumindo o time no meio da temporada, o novamente aposentado Jupp Heynckes assegurou o título pela segunda vez. A primeira havia sido em 2013, quando conquistou a tríplice coroa.

O ídolo do Bayern teve 81 votos, apenas dois a mais que Domenico Tedesco, vice-campeão da Bundesliga com o Schalke 04. O campeão da DFB-Pokal com Eintracht Frankfurt, Niko Kovac, teve 77 votos e ficou na terceira posição.

Dzsenifer Marozsan vence pela segunda vez consecutiva entre as mulheres 


No futebol feminino, a vencedora foi a jogadora do Lyon, Dzsenifer Maroszan. Após conquistar a tríplice coroa com o time francês, seria improvável que a jogadora não fosse premiada pelo segundo ano em sequência. Foi a primeira vez que uma mulher atingiu tal feito.

Um comentário:

  1. De acordo, tem sido o melhor alemão desde 2015, e merecia ter ganhado todos até aqui, são 24 titulos com 28 anos, estando a uma UCl de alcançar Paolo Maldini e Cristiano Ronaldo, até os 33 tem toda capacidade de conseguir, depois da geração de 74, arrisco a dizer que só fica atrás do Kaiser, pode até não marcar tantos gols, mas controla o ritmo da partida, fez isso em 2014, sendo o melhor dos indices do Castrol, e ganhou um triplete da UCL, novamente sendo o ditador do ritmo. Muito se fala do Ronaldo ser o cara que fez isso ser possivel, mas os verdadeiros responsaveis é o trio KCM-Kroos,Casemiro e Modric, então esse premio foi pra lá de merecido.

    ResponderExcluir