Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Alemanha joga mal, leva dois gols da Coreia do Sul nos acréscimos e está fora da Copa do Mundo

E não deu para Alemanha. Nas 16 vezes que a Copa do Mundo teve fase de grupos, a seleção nunca havia sido eliminada de forma precoce, mas na Rússia essa escrita caiu. Com a derrota por 2 a 0 diante da Coreia do Sul, a Mannschaft está fora do Mundial de 2018.

No outro jogo da chave, a Suécia bateu o México por 3 a 0 e ficou na liderança com seis pontos. Mesmo com a derrota, os mexicanos avançaram na segunda posição com os mesmos seis pontos. Alemães ficaram com três, na lanterna, ao lado dos coreanos.


O técnico Joachim Löw surpreendeu mais uma vez e mexeu na escalação. Com Boateng suspenso, Hummels voltou à zaga, mas teve Süle como companheiro ao invés de Rüdiger. O comandante ainda sacou Müller e Draxler para as entradas de Özil e Goretzka. Já Rudy, que quebrou o nariz, deu lugar a Khedira.

E o primeiro tempo da Alemanha foi muito ruim. Sem inspiração na criação das jogadas pelo meio, o time abusava das jogadas pelas laterais, mas errou praticamente todos os cruzamentos na área.

As melhores chances da etapa inicial foram da Coreia do Sul. Na primeira, Jung cobrou falta direto para o gol e Neuer errou ao tentar encaixar, tirando a bola do pé do rival no rebote; depois, Son finalizou de dentro da área e chegou perto.

Os alemães chegaram bem apenas aos 38 minutos, com Timo Werner chutando travado pela marcação, por cima. Na cobrança de escanteio, a bola sobrou para Hummels, que passou por dois e parou em defesa do goleiro Jo Hyeon-Woo.

Pressão desordenada

Logo aos dois minutos do segundo tempo, a Alemanha acertou o primeiro cruzamento com Reus e Goretzka, de cabeça, obrigou o arqueiro rival a fazer uma linda defesa.

Quando chegou a informação de que a Suécia estava vencendo o México no outro jogo do grupo, a Mannschaft passou a precisar da vitória para se classificar. Por isso, Löw colocou Müller e Mario Gomez nas vagas de Khedira e Goretzka, se lançando ao ataque.

Com os germânicos bastante ofensivos, ainda mais depois que Brandt entrou no lugar de Hector, os sul-coreanos começaram a incomodar em contra-ataques perigosos. Son era a principal válvula de escape e teve boa chance finalizando à direita de Neuer.

Após cruzamento da direita, Mario Gomez cabeceou e o goleiro coreano pegou bem no meio do gol. O centroavante teve outra oportunidade recebendo na área, mas a zaga chegou junto e abafou. Aos 38 minutos, Marco Reus chutou de fora da área e quase abriu o placar, com a bola raspando a trave adversária.

Aos 41, Özil cruzou e Hummels, na pequena área, cabeceou para fora. Chance claríssima. Na sequência, Kroos finalizou da meia lua e o Jo Hyeon-Woo fez grande defesa no canto.

Nos acréscimos, em bobeira da zaga alemã, a Coreia do Sul fez o gol. Kim ficou na cara de Neuer e finalizou para o fundo das redes - o árbitro ainda verificou no VAR e confirmou o gol. Aos 50, Neuer foi para área no desespero e os sul-coreanos puxaram contra-ataque com Son. Livre, sem ninguém, ele só tocou para o gol vazio.

FICHA TÉCNICA
ALEMANHA 0 x 2 COREIA DO SUL

Local: Kazan Arena, em Kazan
Data: 27 de junho de 2018, quarta-feira
Hora: 11h (de Brasília)
Árbitro: Mark Geiger (EUA)
Assistentes: Joe Fletcher (CAN) e Frank Anderson (EUA)
Cartões amarelos: Son, Jung, Lee (COR)

GOLS: Kim, aos 47 do 2º tempo; Son, aos 50 do 2º

ALEMANHA: Neuer, Kimmich, Süle, Hummels e Hector (Brandt); Khedira (Mario Gomez), Kroos e Goretzka (Müller); Özil, Reus e Werner. Técnico: Joachim Löw

COREIA DO SUL: Jo Hyeon-Woo, Lee Yong, Yun Young-Sun, Kim Young-Gwon, Hong Chul; Jang Hyun-Soo, Jung Woo-Young, Moon Seon-Min (Ju Sejong), Lee Jae-Sung; Koo Ja-Cheol (Hechan Hwang, depois Go Yohan), Son Heung-Min. Técnico: Shin Tae-Yong

21 comentários:

  1. Momento de juntar os cacos! Mas o que chama a atenção é o técnico de futebol prefere morrer com alguns jogadores do que outros em melhores momento, seja na seleção ou em clube! Será que há interesses financeiros ou táticas de jogo? Valeu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai entender, não entendi a escalação do Özil e muito menos do por quê ele voltou para o segundo tempo, não fez nada, e outros que são otimos jogadores como Kimmich, Boateng, Khedira, Muller e Goreztka não deram nada em campo, estou chateado principalmente com o Kimmich, foi um zero a esquerda.

      Excluir
  2. A Alemanha se esforçou para ser eliminada dessa copa. Joachim Low insistiu em Tomas Mueller, Ozil , Khedira e Gomez e deixou de fora Leroy Sane e Sandro Wagner além de massacrar Julian Brandt só colocando no final das partidas. Foi merecida a Vitória da Coreia mas foi melhor que ter avançado às oitavas e tivesse pego a seleção brasileira onde seria massacrada por uma goleada acachapante. A Alemanha passou pela maldição do campeão que sempre cai na copa seguinte.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se tivesse pego o Brasil nas oitavas seria atropelado e a vergonha seria muito maior. Pelo menos Joachim Low tem que entender que alguns jogadores dessa seleção não devem mais ser convocados para outras competições pois o futebol deles está saturado e a forma de jogar muito previsível. Julian Brandt, Sandro Wagner, Leroy Sane, Ginter devem ser aproveitados por esse técnico teimoso.

      Excluir
    2. Sandro Wagner .Leroy Sane` Julian Brandt ,,e Marco Reus ,sao fundamentais ,Expulsos Joachim Low ,Gundogan ,Ozil ,Mario Gomes ,Goretzka ,Draxler ,esses nunca mais podem sequer passar perto da Alemanha de novo.Saudades de um Matthaus ,Voller ,Klissmann, Littbarski Rummenigge ,Lahm ,Klose ,entre outros que deram seu sangue pela Mannschaft nao essa desgraça que vimos hoje .A casa Da Federaçao precisa de uma faxina urgente e de forma direta .Pois nao podemos aceitar essa realidade de um tetra campea mundial de forma alguma .

      Excluir
  3. Low fez tudo para dar errado. Khedira não é mais jogador de seleção há muito tempo, levar o Mario Gomez era um absurdo e deixou de fora Schurlle e Gotze, segundo ele pq gotze nao esta na melhor forma, porra e o Mario Gomez????? A alemanha deixou Muller muito atrasado sendo que ele deve ir mais para a frente. O mito de que a alemanha tinha duas ou três seleções fez com que Low não jogasse com esse time NUNCA antes da copa, o resultado é que a alemanha está menos entrosada que o panamá! Os jogadores não se entendem, um não sabe onde está o outro, uma desordem geral. As jogadas são as mesmas, COMPLETAMENTE DIFERENTE DE 2014, aonde através de passes se chegava ao ataque, este ano, o time de Low, sem entrosamento e sem opções boas no banco fez a mesma coisa por três jogos, se mandar para uma lateral e chutar para a área para ver o que acontece. Triste, ridículo. Como descendente de alemão sou ridicularizado por coreanos, COREANOS, na China aonde moro. Sem vergonha, sem honra essa seleção.

    ResponderExcluir
  4. Existem diversos motivos para esta eliminação, mas colocarei em pauta o que eu acredito ter sido, vamos lá. Primeiro, faltou liderança, pra quem tinha Schwesteiger e Lahm, vocês notaram alguém chamando responsabilidade ou pondo o time em ordem, apenas o Muller gritando sem sentido, e ainda focado nisso, vocês acreditam que o goleiro pode ser Capitão do time ? Pois lá do fundo ele não consegue arrumar setores, tanta é verdade que Kimmich e Hector mas ficavam dentro da área adversária do que na defesa. Em seguida, özil e gundogan deveriam ter sido convocados após declararem apoio ao governo do Erdogan, eles se arrependeram da pátria alemã, decidiram por ser turcos, e parece que o Khedira estava estreando no futebol profissional. Por fim, por mais que eu ame o trabalho do Low, ele deveria aprender com Zidane " Eu não posso mais motivar estes jogadores, eles previsam de uma nova motivação", ele bancou özil,khedira, boateng e o grupo estava desmotivado, ou seja, tem como manter ?

    ResponderExcluir
  5. Aliás, antes de terminar, culpem o Bayern, do que adianta a federação investir na base, tecnologia e ai o Bayern acaba com a competivdade comprando os destaques das outras equipes, e o temido e poderoso Bayern constrói um time alto escalão e enfraquece a liga, ai Bayer, Dortmund e os demais brigam por migalha, então parabéns Bayern de Munique, e mais, hoje os jogadores do Bayern mais se preocupam em estar em alta no insta do que em jogar bola, Uli e Rummenigg perderam a mão e enfranqueceram a liga,

    ResponderExcluir
  6. cara, que vexame! acho que o técnico deveria pedir demissão, e ser iniciado um novo trabalho, ele errou muito! Já na eurocopa que o time mostrava que não estava bem, e ele manteve a base, não mudou a forma do time jogar, deveria ter se tocado ali. Agora é iniciar de novo

    ResponderExcluir
  7. Sempre torci e acompanhei a Alemanha desde a copa de 1990, torcendo mais para ela do que o Brasil (que desde 2006 se tornou um lixo). Esta copa realmente foi um fiasco e nunca havia visto um desempenho tao pifio da Die Mannschaft (nem mesmo aquele time envelhecido de 98). Na minha opiniao acabou a era de Joachim Low como tecnico da Deutschland, ele tem que sair, e Jurgen Klopp e o melhor nome para comandar a selecao para o penta em 2022. Caso ele nao aceite, poderiamos ter Jurgen Klinsmann de volta, pois evoluiu muito como tecnico no comando dos EUA. Low falhou em nao convocar Mario Gotze, que para mim e o melhor jogador alemao que surgiu neste seculo, e tambem deveria ter convocado Andre Schurrle, pois Timo Werner e Mario Gomez decepcionaram. Outros como Can, Sane, Sandro Wagner deveriam ter ido. E hora de mudancas, Khedira e Ozil nao deveriam ser mais convocados e se aposentarem da selecao, assim como Mario Gomez. Neuer apesar de ainda ser um grande goleiro, deveria dar mais espaco ao Ter Stegen, pois e o mais velho titular da equipe, e Hummels e Boateng tambem ja estao na casa dos 30, precisa de renovacao. Muitos outros ai que foram essa copa nunca mais convocaria, pois nem deveriam ter ido, Trapp, Plattenhardt, Ginter e Rudy.

    ResponderExcluir
  8. E para terminar. Muller foi a grande decepcao da Alemanha na copa, tera que ficar de olho e voltar a fazer boas atuacoes se quiser voltar como titular para 2022 (e ja sera veterano), o recorde do Klose acho que ele nao passa mais, pode ate empatar, mais dificil. Para proxima Euro deveremos ter ainda Neuer, Boateng e Hummels entre os titulares, mais para a proxima copa precisa de mudancas, do elenco que foi a esta copa somente o Kroos que devera seguir como titular para proxima copa (quem sabe tambem Muller e Hummels ainda). Gostaria que surgissem novos jogadores, principalmente nas laterais, pois esse Kimmich e Hector nao sao muito confiaveis. Esse Timo Werner, Goretzka e Brandt terao que evoluir muito, e nao acho tambem o Draxler la grande coisa. o Reus tambem deve ter sido a unica copa, pois vive mais no departamento medico que no campo. Tomara que o Gotze volte a ser o jogador de alto nivel e seja o grande nome da Alemanha pois ainda e novo, e precisamos de renovacao, assim como a Espanha e a Franca fizeram, e ja para proxima Euro, formar uma nova geracao para ganhar em 2022.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Análise boa, concreta. Ver o Kroos sozinho no campo depois que todos sairão doeu na alma, e triste lembrar que ele disse que pretende jogar até os 30, capaz que em 2022 não o tenhamos mais, tentou carregar o time sozinho, porém não conseguiu.

      Excluir
    2. Opa pera ai nao fale mal do Brandt pois foi o unico ao lado do Kross que buscou o jogo ou alguma coisa em campo em relaçao as desgraça / as carniça do Filha da Puta do Low` ,como por exemplo o Ozil que nunca mais podera` vestir a camisa da seleçao novamente .Bem como Gundogan e Gomes , alem do fato da federaçao Alema meter os 2 pes no cu do Low.

      Excluir
  9. A seleção alemã se eliminou da Copa do Mundo! Com clara exceção do segundo jogo, não houve nem luta para ser motivo de zoação.

    ResponderExcluir
  10. Vou contra todos os comentários. Vou ser advogado do diabo. Não concordo com quase nada do que vocês aí disseram porque vocês não passam de profetas do passado, me desculpem. A Alemanha, no quesito coletivo, só falhou NESTE JOGO. Mesmo perdendo do Mexico, teve boa atuação, apesar de poucas falhas individuais. Se superou na segunda partida, fazendo jus à grandeza de uma campeã do mundo por 4 vezes e com mais chegadas a finais, segundo colocado, terceiro, etc. Sabe o que há de pior na torcida alemã? O torcedor. Hoje foi só um problema que definiu a derrota: má escalação, e eu entendo por quê. Explico: nos jogos anteriores, mesmo com 4 atacantes, a Alemanha sofreu com contra-ataques. É notório que hoje escolheram não se expor e tentar obter um resultado com mais paciência e sem riscos. Calma. Não sou ingênuo. Eu sei que a Alemanha enfrentava problemas desde o ano passado. A questão é que optaram por uma escalação equivocada (quem nunca se equivoca? Convenhamos...) e um sistema menos ofensivo. E é claro que o psicológico conta, principalmente por parte dos estreantes em Copas. Demos um desconto. Hummels não tem que pedir desculpas nem ninguém da equipe. Jogaram como entenderam como deveriam. E a minha admiração e torcida continuarão, mesmo que eventualmente perca de 7x1 para o Íbis. Não deu, não funcionou. Ponto final. Espero que Low continue fazendo o brilhante trabalho que fez nestes 12 anos. Ou vocês acham que outro técnico de seleção teve mais sucesso que ele? Quem? Me apontem! Para terminar, o que acho é que a atual campeã deve ser mais aberta às possibilidades e não temer renovar quase toda a equipe. Hummels fica, Neuer fica, Reus, Kross, dentre outros. E outra: quanto ao que falaram sobre o Bayern, só pode ser coisa de quem odeia um dos melhores times do mundo - que não joga para enfraquecer o adversário alemão de propósito, e sim para ter um futebol de competitividade europeia. Muito mimimi e inconformismo nos comentários acima. Aprendam a perder, perdoem os que não conseguiram dar o melhor de si, porque os caras são muito técnicos. E finalizo assim: CONTINUO TE AMANDO, MANNSCHAFT, PORQUE NÃO SOU TORCEDOR CIRCUNSTANCIAL. Vocês deveriam se vergonhar em tentar achar culpados. Bye. Não volto mais aqui neste blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É relativo colega, vendo seu ponto de vista é de fato um argumento rico, eu sou o rapaz do comentário do Bayern, torcedor do próprio desde quando assisti o Oliver Kahn parar nas mãos dele a bola que nos trouxe a quarta liga dos campeões e torcedor da Alemanha desde o emblemático jogo da virada contra a República checa, e não mudo minha opinião sobre o que defini como "minha" opinião, de fato não critico a Alemanha, critico a desmotivação em campo, faltou liderança, aos 25 sabendo do resultado da Suécia ninguém estava com pressa para abrir o placar, e isso foi ridículo, aqui em Berlim o clima foi esse entre todos, mas ninguém desacredita na Alemanha, tal meus comentários em post passados na qual disse e afirmei que a Alemanha golearia Suécia e Coréia, pois já havia visto semelhança de jogo frente ao 5x3 frente a Suíça em 2012 e 3x3 frente a Ucrânia, sem contar na derrota pós copa pra Austrália, mas acreditei, e desta vez vi uma situação completamente diferente. Agora em questão do Bayern,o time de 2011 à 2014 priorizava até a meia certa no treino, Kroos e Basti foram multados pelo Heynckss por irem com meias diferente, e dias atrás vi o Thiago Alcântara se negando a sair de uma partida, e a punição ? Não teve, hoje o time tem colombiano, português, chileno e muitos espanhóis, eu vi um time com OITO alemães de alto nível do bayern disputar pau a pau com um time forte do Dortmund, e de ambos sairam 11 jogadores que ganharam uma copa, chorei naquele 5x2 na pokal, e vi no ano seguinte esse mesmo time chutar o balde e ganhar tudo, quando boateng era careca e não um pop star que até o rummenigg crítica, e um time do Bayern desbandado, por quê perderam a mão com o time, isso é minha opinião, respeito e concordo em parte com a sua, e insisto que continue a voltar no blog, o Mário é um ótimo blogueiro e nos informa com o melhor da noticia, não o deixe triste.

      Excluir
  11. Ja esta sendo especulado na casa de apostas Klopp ou Klinsmann como favoritos a ser o novo tecnico da Alemanha. Ate mesmo Arsene Wenger (q fala alemao fluente), porem dificil um frances tecnico da selecao. Comentaristas falam tambem em volta de treinadores aposentados, mas que nunca treinaram a alemanha, como jupp henyckes, ottmar hitzfeld, estes ja com mais de 70, e ate mesmo otto rehhagel que ja passou dos 80. O tuchel que esta indo pro psg tbm e especulado. Porem aposto que Low saindo se sair, Klinsmann volta (pois o Klopp recusara pq ganha muito mais no Liverpool)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Heynckes e Klopp seria magico apesar do bom velhinho estar descansando e acho correto pois fez muito bem sua parte no Bayern ,Agora Klissmann bo opçao ,Hitzfeld sempre admirei o Trabalho dele tanto no Bayern ou Dortmund ,Julian Nagelsmann acho mais tecnico que o Thomas Tuchel .Enfim precisamos de um novo Beckenbauer alguem que faça a Alemanha voltar a ser temida e gigante como ele foi em 199O.Arrisca um Voller nessa lista ?.

      Excluir
  12. Low é um excelente técnico mas é muito teimoso e massacrou Julian Brandt que está numa boa fase só colocando pata jogar nos finais das partidas. Contra México ele colocou aos 41 do segundo tempo e também contra a Suécia e mesmo jogando pouco tempo deu 2 bolas na trave. Hoje ele colocou aos 32 do segundo tempo. Esse Low tem que sair para dar vaga a outro pois vai se perpetuar no cargo e já está obsoleto e insistindo em jogadores apáticos e sem nenhuma motivação. Se ele não sair em setembro na liga das Nações ele vai chamar de novo essas mesmas carniça que Invergonharam e cagaram no pau.

    ResponderExcluir