Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Bayern quase contratou Neymar em 2010. Mas por que não deu certo? Entenda

O atacante Neymar deixou o Barcelona e foi contratado pelo PSG por astronômicos 222 milhões de euros. Mas você sabia que o atacante brasileiro poderia ter jogado no Bayern de Munique? Sim, antes mesmo de ir para Espanha, o ex-santista quase acertou com o time alemão, mas o negócio acabou não dando certo.


Em entrevista ao jornal "Novi List", da Croácia, o empresário Pre­drag Racki revelou que recebeu aval do pai de Neymar para conversar com Chris­ti­an Ner­lin­ger, então gerente esportivo bávaro, e tentar concretizar a negociação. Isso lá em 2010, quando o jogador iniciava sua carreira no Santos, com apenas 18 anos de idade.

Racki disse que foi autorizado a ser o representante do brasileiro nas tratativas com o Bayern, sendo que o valor inicial seria de 18 milhões de euros, com mais custos adicionais em bônus, com a quantia final chegando a 24 milhões de euros.

Mas por que não foi para frente?

O Bayern teve um pé atrás na negociação, segundo o Bild. Naquela época, o clube alemão estava "traumatizado" em negociações com jogadores sul-americanos, tendo em vista os fracassos recentes com argentino Sosa e o peruano Larrauri, ambos meias, e também com o zagueiro brasileiro Breno. Por isso, a ideia era contratar apenas atletas do continente que já estavam estabelecidos no futebol europeu.

Naquela época, o treinador era o holandês Louis van Gaal, que sempre admitiu sua preferência em trabalhar com jogadores europeus. Os brasileiros nunca caíram nas graças do comandante. E também porque Thomas Müller, que estava com 20 anos de idade, havia acabado de ser promovido ao time principal e todos no clube depositavam muita confiança nele.

Por fim, o Bayern achou o valor de 24 milhões de euros muito alto por um jogador que era apenas uma promessa do futebol brasileiro. No ano anterior, por exemplo, o já consolidado Arjen Robben custou os mesmos 24 milhões de euros, contratado junto ao Real Madrid.

Nenhum comentário