Ad Home

Últimas

teste de anúncio

Alemanha passa pela Nigéria em Itaquera e faz a final olímpica contra o Brasil

Anote aí na sua agenda: Brasil x Alemanha, sábado, dia 20 de agosto, às 17h30, no Maracanã. A grande final dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro foi definida nesta quarta-feira após vitória alemã sobre a Nigéria por 2 a 0, em Itaquera, São Paulo, e goleada brasileira diante de Honduras por 6 a 0, no próprio Maracanã, palco da decisão.

O primeiro tempo na capital paulista foi bastante equilibrado, com as duas equipes tendo bom volume de jogo e posse de bola, mas quem desceu para o intervalo vencendo foi a Alemanha. Logo aos 11 minutos de partida, Max Meyer recebeu na direita da área e cruzou na medida para o lateral Klostermann só empurrar a bola para o gol vazio.

Com boa movimentação no setor ofensivo, os alemães criaram outras chances claras nos pés de Gnabry e Selke. Lá atrás, os nigerianos quase marcaram em duas oportunidades: na primeira, o goleiro Horn saiu jogando errado, mas a defesa afastou o perigo; depois, Ginter salvou o tento de empate na hora H.

A etapa complementar começou com a Alemanha em cima dos africanos e quase ampliando o marcador em jogadas de Gnabry, que finalizou para fora, e Selke, que chegou a driblar o arqueiro adversário, mas cruzou muito forte na pequena área. 

A Mannschaft se defendeu bem no restante do duelo e segurou o ímpeto da Nigéria, que tentava atacar embalada pela torcida em Itaquera. No fim do jogo, em rápido contra-ataque, Selke foi lançado na direita, entrou na área e chutou cruzado para Petersen aparecer na segunda trave e colocar para o fundo do gol, decretando o triunfo.

A Alemanha jogou com Horn, Toljan, Ginter, Süle e Klostermann; Sven Bender (Prömel), Lars Bender, Meyer (Petersen), Brandt e Gnabry (Philipp Max); Selke.


Nenhum comentário