Com um a menos, Bayer Leverkusen segura empate com o líder Bayern de Munique

O Bayer Leverkusen suportou a pressão do Bayern de Munique na BayArena, principalmente quando teve um jogador expulso no começo do segundo tempo, e segurou o empate por 0 a 0 no último jogo deste sábado pela Bundesliga. O empate deixa os Leões no meio da tabela, entre a zona de Liga Europa e a zona de rebaixamento, enquanto os Bávaros continuam tranquilos na liderança, agora com oito pontos de vantagem sobre o vice-líder RB Leipzig.

Pelo lado do Leverkusen, a grande ausência foi o atacante Chicharito Hernandez. Já no Bayern foram muitas as baixas, contando lesionados e poupados. Hummels e Boateng se machucaram, assim como Lewandowski, que também estava suspenso para este duelo. Ribéry, Lahm, Xabi Alonso e Robben ganharam descanso, mas os três últimos estavam na reserva e entraram no decorrer do segundo tempo.

Na etapa inicial, o time visitante teve muito mais posse de bola e também criou as chances mais claras, sendo que a maioria aconteceu alguns minutos antes do intervalo. Em um mesmo lance, o brasileiro Wendell salvou chute de Coman em cima da linha e, na sobra, foi a vez de Toprak tirar cabeçada de Vidal também com a bola quase entrando.

O goleiro Leno ainda fez uma defesa à queima roupa em finalização de Coman da entrada da pequena área.

A segunda metade do jogo foi bem parecida com a primeira. O ataque bávaro formado por Thomas Müller, Coman e Douglas Costa incomodou bastante a defesa dos anfitriões, que tiveram o jovem Jedvaj expulso aos 14 minutos. Com um homem a mais, Carlo Ancelotti promoveu as entradas de Robben, Lahm e Xabi Alonso para tentar buscar o triunfo.

Porém, mesmo rondando a área de Leno e tentando o gol da vitória de todas as maneiras, o Bayern não passou pela defesa adversária. A oportunidade mais clara saiu dos pés de Lahm, que finalizou da pequena área e a bola saiu raspando a trave.
    Comente a matéria
    Comente pelo Facebook

0 comentários :

Postar um comentário