Treino de luxo: Alemanha enfia 8 em San Marino com três gols do estreante Gnabry

Como não poderia ser diferente, a Alemanha massacrou a fraca seleção de San Marino por 8 a 0 em jogo válido pela quarta rodada das eliminatórias europeias para Copa do Mundo de 2018 e se manteve na disparada na liderança isolada do grupo C da competição, com campanha 100% e 12 pontos conquistados - depois aparecem Azerbaijão e Irlanda do Norte, ambas as equipes com sete.

Os comandados de Joachim Löw voltam a campo na próxima terça-feira, dia 15 de novembro, para enfrentar a Itália em duelo amistoso. Pelas eliminatórias, a Mannschaft só joga em 2017, em 26 de março, diante do Azerbaijão.

Clique e veja a agenda completa de jogos da Mannschaft

A escalação surpreendeu pela presença de dois estreantes: Gnabry no meio de campo ofensivo e Henrichs pela lateral direita. Com isso, Kimmich foi deslocado para zaga ao lado de Hummels, enquanto Mario Gomez recebeu a chance no comando de ataque. O xará Mario Götze, que vinha atuando como "falso 9" no time, foi recuado para fazer a armação ao lado de Gündogan, Khedira e Müller.

Pressionando desde os primeiros minutos, o gol inaugural saiu cedo. Aos sete, Khedira recebeu de Gündogan na área, driblou o goleiro Simoncini e balançou as redes. No ataque seguinte, Gnabry aproveitou rebatida errada da zaga san-marinense e marcou o segundo tento germânico.

Sem forçar muito, o terceiro gol saiu com Jonas Hector, que recebeu assistência de Götze e colocou no canto. O centroavante Mario Gomez chegou a marcar duas vezes, mas a arbitragem assinalou impedimento em ambos os lances, anulando as jogadas. No primeiro não houve irregularidade, mas no segundo ele estava mesmo em posição ilegal.

O "treino de luxo" continuou no segundo tempo, mas a forte chuva que caiu sobre Serravalle prejudicou um pouco o andamento da partida. Gündogan chegou perto de marcar em três oportunidades, mas quem anotou o quarto gol foi Gnabry: em posição de impedimento, ele aproveitou passe de Kimmich e pegou de primeira.

Aos 20 minutos, após boa jogada de Götze, o lateral Hector marcou seu segundo gol no duelo, quinto dos alemães. Com muita facilidade, Gnabry fez mais um, seu terceiro na partida, depois de receber cruzamento preciso de Müller. O sétimo foi contra: Volland cruzou da linha de fundo e Stefanelli chutou nas próprias redes. E ainda deu tempo para Volland também deixar sua marca, aos 40 minutos.

Lá atrás, o goleiro ter Stegen nem sujou o uniforme, praticamente sem encostar na bola durante os 90 minutos. Por outro lado, o arqueiro Simoncini evitou que o placar fosse mais elástico com, pelo menos, cinco defesas difíceis na etapa final.

FICHA TÉCNICA
SAN MARINO 0 x 8
 ALEMANHA

Data: 11 de novembro de 2016, sexta-feira
Hora: 17h45 (de Brasília)
Local: Estádio Olímpico, em Serravalle (San Marino)
Árbitro: Artyom Kuchin (Cazaquistão)
Assistentes: Anatoli Hodin e Evgeni Belski (ambos do Cazaquistão)
Cartões amarelos: Vitaioli (SAN)

GOLS:
Alemanha: Khedira, aos 7; Gnabry, aos 9; Hector, aos 32 do 1º tempo; Gnabry, aos 13'e 31'; Hector, aos 20'; Stefanelli (contra), aos 37'; Volland, aos 40' do 2º tempo

San Marino: A. Simoncini, Cesarini, D. Simoncini, F. Vitaioli e Palazzi; Berardi, Gasperoni, Tosi (Domeniconi), Zafferani (Brolli) e M. Vitaioli (Hirsch); Stefanelli. Técnico: Angelo Manzaroli

Alemanha: ter Stegen, Henrichs, Hummels, Kimmich e Hector; Khedira (Goretzka), Gündogan, Gnabry, Thomas Müller e Mario Götze (Meyer): Mario Gomez (Volland) . Técnico: Joachim Löw

Veja mais fotos do duelo:













    Blogger Comment
    Facebook Comment

2 comentários :

  1. Grande jogo rapazes. Que pena para o Arsenal perdeu um grande jogador o Gnabry este jogador vem do outro planeta.

    ResponderExcluir
  2. Grande jogo rapazes. Que pena para o Arsenal perdeu um grande jogador o Gnabry este jogador vem do outro planeta.

    ResponderExcluir