Ad Home

Últimas

Alemanha vence a Hungria em Gelsenkirchen. Que venha a Eurocopa!

A Alemanha recebeu a Hungria neste sábado na Veltins Arena, em Gelsenkirchen, e encerrou sua preparação rumo à Eurocopa com boa vitória por 2 a 0. A delegação agora viaja para França e se concentra para a estreia na competição, dia 12 de junho, diante da Ucrânia - na primeira fase, a Mannschaft ainda encara Irlanda do Norte e Polônia.

- Confira a agenda de jogos da seleção alemã

Com a volta dos titulares Neuer, Kroos, Özil e Müller, além da entrada de Schweinsteiger no segundo tempo, o time de Joachim Löw fez uma partida segura e com boa movimentação no campo de ataque, tanto que com um minuto de jogo já havia balançado as redes com Draxler, mas a arbitragem marcou impedimento inexistente e anulou o tento.

O primeiro gol saiu aos 39 minutos da etapa inicial, quando Hector chegou à linha de fundo e cruzou para Götze, mas Lang tocou na bola antes e marcou contra. Manuel Neuer pouco trabalhou na primeira metade do jogo.

A seleção alemã voltou para o segundo tempo com algumas alterações e conseguiu marcar o segundo gol aos 19 minutos, depois que Mario Gomez, impedido, cabeceou para boa defesa de Kiraly e Müller balançou as redes no rebote. Em uma das únicas investidas húngaras na partida, Priskin saiu na cara de Neuer, mas chutou por cima.

Nos minutos restantes do jogo, Sané e Schürrle tentaram mostrar serviço ao entrarem em campo, mas o placar ficou mesmo no 2 a 0.

Ficha do jogo
Alemanha 2 x 0 Hungria

Data: 04 de junho de 2016, sábado
Hora: 13h00 (de Brasília)
Local:  Veltins Arena, em Gelsenkirchen (ALE)
Árbitro: Martin Strömbergsson (Suécia)
Assistentes: Daniel Gustavsson e Per Brogevik (ambos Suécia)
Cartões amarelos: Kleinheisler, Gera (HUN), Kroos (ALE)

GOLS
Alemanha: Lang (contra), aos 39' do 1º; Müller, aos 19' do 2º tempo

Alemanha: Neuer; Höwedes, Boateng, Rüdiger e Jonas Hector (Emre Can); Khedira (Mario Gomez), Kroos (Schweinsteiger), Özil e Draxler (Schürrle); Thomas Müller (Sané) e Götze (Podolski). Técnico: Joachim Löw

Hungria: Kiraly; Fiola (Bese), Lang, Guzmics e Kadar; Nagy, Pinter (Gera), Kleinheisler (Stieber), Lovrencsics e Dzsudzsak; Szalai (Priskin). Técnico: Bernd Storck

2 comentários: