Carlo Ancelotti leva cusparada e faz gesto obsceno para torcedores do Hertha

Uma cena chamou bastante atenção no final do jogo em que Hertha Berlim e Bayern de Munique empataram por 1 a 1, na capital alemã, em duelo válido pela 21ª rodada da Bundesliga. Na saída para o vestiário, o técnico Carlo Ancelotti fez um gesto obsceno na direção dos torcedores que estavam na tribuna do Estádio Olímpico.

E depois ele explicou porque mostrou o dedo do meio. "Sim, eu fiz este gesto porque cuspiram em mim ali", comentou o treinador do Bayern em entrevista ao canal ARD.

Confira no vídeo:



A ira dos torcedores berlinenses foi com o tempo de acréscimo dado por Patrick Ittrich, árbitro da partida. Foram seis minutos de tempo descontos, sendo que o time de Munique buscou a igualdade com gol de Lewandowski no último lance do duelo, quando o relógio já passava dos 51 minutos.

"Infelizmente, houve esse tanto de tempo extra. Eu acho que é um bônus por ser o Bayern! Desculpe se ofendi alguém, mas seis minutos de acréscimo sem qualquer lesão ou motivo é demais", disse o técnico Pal Dardai, do Hertha.

"No final, o jogo ficou um pouco quente, mas seis minutos de tempo extra foi justo", completou Ancelotti.
    Comente a matéria
    Comente pelo Facebook

0 comentários :

Postar um comentário