Ad Home

Últimas

Jogador da 4ª divisão celebra gol com suposto gesto nazista e vira alvo de críticas

O meia-atacante polonês Maik Lukowicz, do Werder Bremen II, de apenas 19 anos de idade, virou alvo de muitas críticas por parte da imprensa, torcedores e até dirigentes. Na última rodada da Regionalliga Nord, a 4ª divisão do futebol alemão, o atleta celebrou o segundo gol do seu time contra o Lübeck fazendo um gesto de saudação nazista para torcida adversária, levantando o braço direito com a mão espalmada.

Após o duelo, que terminou empatado por 2 a 2, o presidente do Lübeck exigiu que Lukowicz fizesse um pedido público de desculpas. "Nós não assumimos que o jogador teve motivações políticas no gesto, mas foi um caso de extraordinária falta de esportividade. Pedimos, portante, que ele e os jogadores do Werder Bremen II façam um pedido de desculpas honesto e público para nós", disse Thomas Schikorra.

"O fato é que os nossos espectadores no estádio ficaram indignados com esse gesto", completou o dirigente do clube anfitrião do duelo.

E Lukowicz se defendeu. "Eu sou completamente dissociado desta ideologia política (no caso, o nazismo). Eu levantei o braço para torcida sem qualquer fundo ou objetivo simbólico", admitiu o meia polonês do Werder.

Assista ao vídeo da comemoração:

Um comentário:

  1. Prefiro e quero acreditar no que Lukowicz disse.

    ResponderExcluir